Formação

A Atividade Missionária

comshalom

Quando se fala em atividade missionária, aflora à nossamente o apelo dos Bispos da América Latina recordando-nos a importância de serDiscípulos-Missionários de Jesus Cristo, para que n’Nele nossos povos tenhamvida: "Eu Sou o Caminho, a Verdade e a Vida" (Jo 14,6). Serdiscípulo, para fazer discípulos. Há um profundo e estreito envolvimento daMissão com o discipulado. O foco da Missão é também ser e fazer discípulos.

 Quando a Igreja do Brasil, através de seus pastores, osbispos, convoca toda a comunidade cristã para a missão, sinaliza-se que algonovo e determinante está acontecendo. Há aqui uma chave de leitura das maisconsistentes: a eclesialidade da Missão aponta para as exigências de uma açãoevangelizadora que seja toda ela iluminada pela ação missionária. A dimensãomissionária é parte integrante do caminho evangelizador da Igreja.

 A conversão pastoral de nossas comunidades exige que se váalém de uma pastoral de mera conservação para uma pastoral decididamentemissionária. É preciso reconhecer que o itinerário missionário da Igreja noBrasil tem se fortalecido. Por outro lado, ainda é frágil nossa consciência devivermos em estado permanente de missão. Necessitamos também melhorar nossaação e presença no âmbito da Missão além-fronteiras, universal.

 Devemos recordar que os discípulos, por essência, são tambémmissionários, em virtude do Batismo e da Confirmação, formamo-nos com coraçãouniversal. A Missão do anúncio da Boa Nova de Jesus Cristo tem destinaçãouniversal. O Papa Bento XVI nos exorta dizendo que a Missão "adgentes" se abra a novas dimensões: o campo da Missão ‘ad gentes’ tem seampliado notavelmente, e não é mais possível defini-lo baseando-se apenas emconsiderações geográficas ou jurídicas. Na verdade, os verdadeirosdestinatários da atividade missionária do Povo de Deus não são somente os povosnão-cristãos e das terras distantes, mas também os campos socioculturais e,sobretudo, os corações.

 A Igreja discípula-missionária realiza-se, portanto, naMissão universal, na fidelidade a Deus e ao Evangelho. Toda reflexão teológicae missiológica aponta hoje para uma missão que leva a estar muito em Deus e comDeus, e muito com os seres humanos; uma missão que seja lugar de diálogo eencontro, diálogo com os valores das culturas e em sintonia com a humanidade.Missão "ad gentes" é equivalente à Missão para a humanidade. Assim,as primeiras comunidades cristãs não concebiam viver o Evangelho de Jesus, sema Missão; não existiam só para si, mas para o mundo, para a sociedade na qualestavam inseridas (Mc 16,19-20).

Quanto à atividade missionária no âmbito da Igrejaparticular, vê-se que esta deve representar de modo mais perfeito possível aIgreja universal e, neste sentido, exige-se ademais o ministério da Palavra,para que o Evangelho atinja a todos. Somos chamados a ser arautos da fé paralevar novos discípulos a Cristo e ser sinais de presença cristã no mundo.

A Arquidiocese, como Igreja Particular, deve dar um passoimportante na realização da atividade missionária. Mesmo que já estejamospresentes em Dioceses e Prelazias irmãs com nossa ação missionária e com todo otrabalho interno da “missão continental temos ainda um longo caminho apercorrer. Toda atividade missionária deve nascer de um projeto inspirado peloEspírito Santo, dando, assim, a oportunidade para as comunidades particulares,as suas lideranças, mostrarem seu crescimento espiritual e apostólico. Assim,através das mais diversas iniciativas, promovem-se o espírito missionário entreos fiéis e o anúncio da Boa Nova aqui e no mundo inteiro.

Cabe, portanto, a cada paróquia assumir esta causa nocorajoso trabalho de evangelização, impregnando em suas vidas os dizeres doapóstolo das nações: “Anunciar o Evangelho não é para mim um título de glória,é uma obrigação que nos foi pedida: “ai de mim se eu não evangelizar” (1Cor9,16). Desta forma, iremos formando verdadeiras redes de comunidades, aonde otrabalho missionário chegue em regiões distantes e abandonadas dentro daprópria paróquia.

 Rogamos à Trindade Santa para que a luz do Espírito missionáriode Jesus fortaleça nosso entusiasmo missionário! E que Maria, a mãe dasmissões, nos enriqueça com a graça do ardor missionário!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *