Notícias

Dom Fernando se manifesta sobre aborto realizado em Recife

Em nota, Arcebispo de Olinda e Recife defende a vida, dom de Deus, que só pode ser tirada por Ele mesmo

comshalom

Nesta segunda-feira (17), o Arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, divulgou uma nota de repúdio ao aborto realizado ontem a um nascituro de cinco meses, cuja mãe era uma criança de dez anos abusada sexualmente pelo tio.

Dom Fernando dirige-se ao Evangelho de hoje, que está em Mateus, capítulo 19, para contextualizar o que representa a morte do bebê de cinco meses, que já havia sido identificado como do sexo feminino. O evangelista Mateus relata um diálogo entre Jesus e um jovem, onde Jesus, ao ser questionado por ele sobre como possuir a vida eterna, orienta o cumprimento dos mandamentos, citando primeiro ‘não matarás’, que neste caso, foi desrespeitado com base em uma autorização judicial.

“Como Arcebispo de Olinda e Recife, não posso calar diante desse fato. Se grave foi a violência do tio que vinha abusando de uma criança indefesa, culminando com violento estupro, gravíssimo foi o aborto realizado em Recife, quando todo o esforço deveria ser voltado para a defesa das duas crianças, mãe e filha”.

Ao final da nota, Dom Fernando se solidariza com os que foram contra a realização do ocorrido e lamenta pelos profissionais de saúde que realizam o procedimento, ressaltando que a Lei de Deus deve ser respeita por todo. “Este ato, mesmo com autorização judicial, não deve ser feito por uma pessoa de fé ou até incrédula consciente, por uma questão de respeito à Lei de Deus ou simplesmente por princípio ético, baseado no valor inviolável da vida”, finalizou.

Confira a nota na íntegra


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *