Formação

E o teu Pai, que vê em segredo, te recompensará!

comshalom

<!– /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:""; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman";}a:link, span.MsoHyperlink {color:blue; text-decoration:underline; text-underline:single;}a:visited, span.MsoHyperlinkFollowed {color:purple; text-decoration:underline; text-underline:single;}@page Section1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;}div.Section1 {page:Section1;}–><!– /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:""; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman";}@page Section1 {size:595.3pt 841.9pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:35.4pt; mso-footer-margin:35.4pt; mso-paper-source:0;}div.Section1 {page:Section1;}–>

José Ricardo Ferreira Bezerra

 

Esta é uma seção diferente que fazemos todos os mêses na sua revista Shalom Maná. Aproposta é tomarmos um trecho da Bíblia e orarmos com ele. Por isso, vamosiniciar pedindo a ajuda do Pai das Luzes, o Espírito Santo: “Ó vinde EspíritoSanto, enchei os corações dos vossos fiéis, acendei neles o fogo do vosso amor.Enviai, Senhor, o vosso Espírito, e tudo será criado e renovareis a face daterra”. Oremos: “Ó Deus que instruístes os corações dos vossos fiéis com a luzdo Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo omesmo Espírito e gozemos sempre de sua consolação. Por Cristo Senhor nosso.Amém”.

O método da Lectio Divina consiste em quatro passos:leitura, meditação, oração e contemplação. Usando-os de maneira adequada, aPalavra de Deus produz muitos frutos.

Faça uma leitura com calma, pelo menos três vezes. Meditesobre o que o texto lhe diz, pessoalmente. Ore, louve e agradeça pelo que foilido e meditado. Enfim, contemple e saboreie a graça dada. Tenha tempo paraestar com o Senhor. Não é difícil, mas requer paciência e determinação. Vocêdaria um pouco do seu precioso tempo para quem tem tanta riqueza a oferecer?

Vamos, então, tomar hoje um trecho do grande Sermão daMontanha. Abra sua Bíblia e leia com atenção, três vezes, o evangelho segundoMateus, capítulo 6,1-6.16-18, sobre a esmola, a oração e o jejum emsegredo. 

Os estudiosos afirmam que o evangelista colocou neste sermãoos ensinamentos de Jesus em várias ocasiões. De fato, se compararmos com osoutros dois evangelhos sinóticos, somente Mateus aborda desta forma didáticaestes temas da esmola, da oração e do jejum em segredo. Meditemosalguns pontos comuns aos três trechos.

 

A hipocrisia

“Guardai-vos de praticar a vossa justiça diante dos homens,para serdes vistos por eles… (…) como fazem os hipócritas…” (v. 2.5.16).No dicionário do Aurélio, hipocrisia é afetação duma virtude, de um sentimentolouvável que não se tem. É impostura, fingimento, simulação, falsidade. Oshipócritas enganam (ou pensam enganar) as pessoas que os vêem por sua aparência.Fingem ser uma coisa que não são. Por quanto tempo dura uma hipocrisia? Poisnada há de oculto que não seja um dia revelado (cf. Mt 10,26; Lc 12,2). Quepassageira recompensa recebem os hipócritas, não é mesmo? Recebem os louvores ereconhecimentos momentâneos. Até a hora em que são descobertos. Daí, então, amáscara cai e se revela a verdade do que são. Como não construíram sobre arocha, a verdade, é grande sua ruína (cf. Mt 7,27). Por que, então, cair nestepecado da hipocrisia? Se pensarmos bem, mesmo sem levar em conta o ladoespiritual, não vale a pena. Seja no ambiente de trabalho, seja na sociedade ouna família, a hipocrisia é um grande contra-senso. Reflita e medite sobre issoem sua vida. Ore ao Senhor pedindo perdão pelas vezes em que fingiu ou simuloualgo apenas para ser visto pelos homens. Peça hoje uma graça de coerência efidelidade ao chamado último de todos os homens: a santidade.

 

O segredo

“O vosso Pai que vê em segredo…” (v. 4.6.18). A Deusninguém engana. Não podemos nos esconder dele, por mais que tentemos. DesdeAdão e Eva (cf. Gn 3,8.10) os homens tentam se esconder, mas não conseguem. Osalmista constatou: “Para onde irei, longe do teu sopro? Para onde fugireilonge da tua presença? (…) Se eu digo: Ao menos as trevas me cubram, e a luzse transforme em noite ao meu redor, mesmo as trevas não são trevas para ti, ea noite é clara como o dia.” (Sl 139(138),7.11-12). Nada escapa ao seu divinoolhar. E é preciso que se diga que é um olhar de misericórdia e não deacusação. O Senhor nos olha, a todo instante, com ternura e compaixão. Porisso, saber que o Pai do céu vê em segredo, não deve ser um peso e sim umaalegria. Medite sobre o olhar de Deus sobre você. Tome o Salmo 139(138) e orecom cada versículo. A oração é um diálogo. Converse com o Senhor que te conhecee te ama com amor infinito. Se souber, cante com este belíssimo Salmo.

 

A recompensa

“… e o teu Pai que vê em segredo te recompensará” (v.4.6.18). Você notou que a estrutura é a mesma, nos três casos, da esmola, daoração e do jejum? Por três vezes Jesus confirma que o Pai, que vê no segredo,te recompensará. Os hipócritas recebem dos homens uma recompensa passageira. Osque praticam as virtudes em segredo recebem a recompensa do Pai. O que valemais, a recompensa dos homens ou a do Pai? E qual é esta recompensa do Pai? ÉEle mesmo. A sua presença na eternidade. O céu! Como somos incoerentes aooptarmos pelo transitório em lugar do eterno. Pelo passageiro em vez dodefinitivo. O efêmero em troca do Absoluto. Agostinho, ao se converter,constatou: “Tarde te amei, ó beleza tão antiga e sempre nova…” Ore pedindouma graça de perseverança. Entregue nas mãos de Deus tudo o que você é e tempara que Ele cuide.

Retome desde o início os passos da Lectio. A esmola, a oraçãoe o jejum dizem respeito à nossa relação com os outros, com Deus e conoscomesmos. Não temos pretensão de ter esgotado toda a riqueza do texto. O quepartilhamos acima deve servir apenas para ajudá-lo a meditar e orar com aPalavra de Deus. Você deve ter visto ainda que deixamos de lado a Oração doPai-nosso no trecho sugerido. A razão é que é uma oração tão rica, que mereceuma Lectio à parte.

Chegando ao final, sugerimos que anote em seu caderno osrhemas ou graças que o Senhor lhe deu neste dia para não deixar que nada seperca e possa retomá-la depois. Se tiver oportunidade, partilhe conosco. Seutestemunho é muito importante para o povo de Deus.

Até a próxima!

Shalom!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *