Formação

Felicidade segundo o Cristo

comshalom

"Jesus levantou o olhar para os seus discípulos e disse-lhes: “Felizes vós, os pobres, porque vosso é o Reino de Deus!    
  Felizes vós que agora passais fome, porque sereis saciados! Felizes vós que agora estais chorando, porque haveis de rir!    
  Felizes sereis quando os homens vos odiarem, expulsarem, insultarem e amaldiçoarem o vosso nome por causa do Filho do Homem.    
 Alegrai-vos, nesse dia, e exultai, porque será grande a vossa recompensa no céu, pois era assim que os seus antepassados tratavam os profetas.    
 Mas, ai de vós, ricos, porque já tendes vossa consolação!    
  Ai de vós que agora estais fartos, porque passareis fome! Ai de vós que agora estais rindo, porque ficareis de luto e chorareis!    
 Ai de vós quando todos falarem bem de vós, pois era assim que seus antepassados tratavam os falsos profetas. "

O conceito de felicidade de Jesus é completamente diferente do que o mundo prega: Felizes os pobres, os que passam fome, os que choram… porque no céu está o seu prêmio, a sua recompensa.

Não que Jesus queira a pobreza, a fome, a tristeza, Jesus quer a confiança nele, a esperança nele e não em coisas que perecem, que passam. Em outra passagem Ele dirá: “De que adianta o homem ganhar o mundo inteiro se vier a perder a sua vida?” (cf. Mc 8, 36)

Sim, feliz é quem “põe a sua confiança no Senhor e segue os seus caminhos” (Sl 36, 34). Quantas vezes nos vemos impregnados pelos conceitos de um mundo que nos diz que temos que ter, comprar, gastar para sermos felizes. Precisamos descobrir a alegria simples do Evangelho: a alegria de ser filho de Deus e confiar no seu amor. O próprio Jesus se despojou de tantos privilégios para ser um conosco. Deixemos que o próprio Jesus que se fez pobre nos ensine a verdadeira alegria de ser pobre, que é estar nas mãos de Deus, de depender Dele.

Na verdade, o próprio mundo já mostra que ai daqueles que têm o seu consolo neste mundo. Buscam cada vez mais consolo e acabam caindo num poço sem fundo e nunca se saciam, querem sempre mais e acabam insatisfeitos, deprimidos ou com uma alegria só de fachada. Quem não conhece ou nunca ouviu falar de uma história assim?!

Não caiamos neste engano. Sigamos o caminho de Jesus que não é de facilidades, mas de verdadeira felicidade! 


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *