Formação

“Maria como Modelo de Esperança”

comshalom

Maria é a estrela da Esperança.

Porque Maria é considerada como estrela da Esperança? O que uma estrela faz? Brilha e indica um caminho. Mas Maria não só brilha, sua luz vem de Jesus e não de si mesma, e ela não só indica o caminho, ela traz Jesus, ela traz a Esperança.

Lucas 1,26 – 38

Essa Palavra vem testificar a esperança de Jesus. Maria sabia que o Messias viria, mas ela não sabia que seria por ela.

O Anjo disse “Ave cheia de graça!”, ela se espantou com essa saudação. Ela teve o medo natural do ser humano. Há o medo que paralisa nossa vontade, esse é negativo. Mas tem o medo natural do ser humano, foi o medo que Maria teve.

O sim de Maria nos devolve a esperança.

Ela é uma pessoa normal que espera o Messias como qualquer judeu.

O seu sim faz toda a diferença na história da salvação. Quando digo sim a vontade de Deus eu devolvo a esperança para os que estão à minha volta. Quando uma mãe diz sim a vontade de Deus devolve a esperança aos seus filhos e ao seu esposo.

Maria é o lugar perfeito da esperança, ela trouxe no seio dela a esperança. Quando perdemos a esperança, nós devemos ir a ela, porque nela está a esperança, ela nos trouxe a esperança.

Este é o grande segredo: você quer crescer na esperança? Você está decepcionado, triste… Se coloque em Maria, e peça: “Maria me dá a esperança que está em você, que você tem pra mim.”

“Se você estiver no colo de Maria, nada pode te separar de Mim, nada, pois Eu estou lá.”

“Se você estiver em Maria você encontra a esperança.”

O que vemos na vida de Maria que nos ajuda a crescer na esperança?

Maria é um ostensório vivo, ela é o suporte que segura Jesus. Não adoramos Maria, mas Jesus, ela nos leva a Ele. Como o sacrário guarda Jesus, Maria também o faz.

Qual o papel de Maria que nos leva a ter esperança?

Primeiro: Maria nos une a Deus. Ela está unida a Deus, então nos unindo a Ela, estaremos unidos a ele. Se você quer crescer na vida de oração, se queres crescer na intimidade com Deus, busque a intimidade com Maria.

Quando você estiver com medo de fazer a vontade de Deus, peça a Maria.

Quando estamos discernindo a nossa vida, consagre a Maria, peça a ela.

Muitas vezes nos afastamos de Deus porque não nos achamos dignos, não somos mesmo, mas é Deus quem nos torna digno, é a dignidade Dele que Ele nos dá.

Segundo: a esperança que Maria nos traz torna eficazes as nossas orações, porque Maria nos enche de confiança em Deus. Ela gera essa esperança e essa eficácia da oração.

João 2,1-12 O primeiro milagre que Jesus fez foi por intermédio de Maria.

Ela como mãe é atenta à nossa vida, é atenta a vida de seus filhos. Ela não tem poder, mas nela está o poder. Ela estava atenta ao casamento, atenta a tudo, ela percebeu que o vinho tinha faltado.

Quando consagramos a Maria sua casa, sua família, essa família tem o temor a Deus, ela é uma família feliz, essa família tem esperança. Maria vai estar sempre pedindo tudo a Jesus para nós, e ela vai nos dizer: “Fazei tudo o que ele vos disser”. Ela vai nos indicar sempre a vontade de Deus.

Busque a intercessão de Maria, para tudo.

Mãe é sempre intercessora, por isso Maria é sempre intercessora.

Testemunho pessoal: Testemunho das intervenções de Maria na sua história e na história da sua família.

Maria é o canal de esperança para a nossa vida.

Maria é o sinal de esperança. Ela faz ministrar essa esperança porque ela afirmou: a Deus nada é impossível.

Terceiro: o louvor é a oração perfeita que nos leva à esperança. Maria nos ensina a viver esse louvor. O louvor faz você colocar Deus no lugar Dele. È um ato de fé e d esperança. Quando você estiver fraco na fé, na esperança, decepcionado, triste, louve. Faça esse exercício de louvar a Deus. O louvor tem poder de libertação. Liberta-nos de toda centralização no problema, que nos tira os olhos de Deus.

O Magnificat é o louvor mais perfeito.

O louvor gera a força em nós, gera a esperança.

Deus é perfeito em tudo o que faz. “Os caminhos do Senhor são perfeitos”. Precisamos confiar Nele. Quando você estiver centralizado no problema, louve, e louve muito.

A murmuração é um louvor ao demônio, quando você começa a reconhecer Deus na sua vida você atrai às bênçãos de Deus.

Maria é o modelo de esperança porque ela nos ensina o louvor.

Quarto: perseverança de Maria.

Maria não perguntou o porquê, ela perguntou como se fará.

Ela confiou e perseverou confiando. Mesmo correndo o risco de ser apedrejada.

Ela esperou o anjo lhe revelar como seria, mas ela não se desesperou.

José também esperou, recebeu o chamado dele. Ele soube esperar que o próprio Deus resolvesse as coisas.

Maria foi provada na fé e na esperança durante toda a vida dela.

Maria não reivindicou os méritos da graça dela, Jesus nasceu num estábulo, ela não tinha lugar para Ele nascer. Às vezes na nossa vida deixamos as situações nos perturbar, precisamos pedir pra Maria que ela nos ajude a viver os momentos desafiantes. Não podemos reivindicar nada de Deus, Maria nos ensina isso.

Para perseverarmos até o fim precisamos da humildade.

O justo vive da fé e da esperança. Pela fé Maria sabia que encontraria o seu filho que tinha se perdido, ela não se desesperou.

João 19,25-27

Nesse momento, Jesus se despoja da sua mãe. Ele chama “mulher”, não mais “mãe”; Jesus não despreza, mas se despoja, como se despoja de tudo, de suas vestes…

“A Paixão que Jesus sofre no corpo, Maria sofre na alma.” Raniero Cantalamessa.

Ninguém disse pra Maria que Jesus iria ressuscitar, mas ela acreditava que algo aconteceria, que havia algo por trás de tudo aquilo, devido sua fé e sua esperança. Ela acreditava que Deus tinha um plano maior.

De pé Jesus entrega sua mãe, na cruz, Maria recebe sua missão.

Quando ele diz eis aí teu filho, ele diz eis aí a Igreja.

A intercessão dela a Jesus transforma a água em vinho.

Maria nos prepara para o céu. Quem está unido a Maria já está com Jesus, já está no céu. Onde está Maria o demônio e o mal não se aproxima.
Fátima Lima ( consagrada da comunidade de vida),
Consagrada na comunidade de vida
Fonte: Site Renascer

 

Formação 2008


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *