Formação

Modéstia e gratuidade

comshalom

A luta pelo poder e pelo “status” é característica docotidiano de nossa sociedade materialista e hedonista, em que o ter, o prazer eo poder ocupam o lugar do sagrado. Por causa disto, quantas intrigas,extorsões, corrupção, violência!

 Infelizmente, também nós, muitas vezes, como os comensaisobservados por Jesus, achamos que a posição é que faz o homem.

 Freqüentemente, os ensinamentos de Jesus derivam desituações da vida real. Para fazer seus discípulos refletirem, Ele comparava oscritérios e razões habituais do povo, como em São Lucas, 14,1.7-14, com oscritérios de seu próprio Evangelho.

 Orientados por falsos valores que somos capazes de assumir edefender, invertemos posições e significados em nossa vida, o que nos afastacada vez mais da verdade, da justiça, do amor.

 Jesus nos orienta a irmos ao encontro dos reais valores doEvangelho e do Reino de Deus. Sejamos audaciosos. Não nos deixemos enganar porpadrões de comportamentos que dão a ilusão de grandeza, quando, na verdade, nosprendem a clichês pré-estabelecidos. No entendimento divino, tudo possui umadeterminada ordem que nem sempre combina com os nossos critérios.

 Os que freqüentam e participam ativamente das celebraçõestêm em comum a fé no Deus vivo e a esperança no Reino de Deus. No banquete daEucaristia, todos são convidados por Jesus: “Amigo, venha mais para cima”,porque nele Deus se tornou próximo e íntimo. No pão partilhado, podemosexperimentar a gratuidade de Deus com a humanidade.

 A comunidade cristã é a reunião de consagrados a Deus enossa fé nos garante, desde já, que nossos nomes estão inscritos no céu. Poristo, celebrar a fé significa acabar com os privilégios e discriminações, pois,no Reino de Deus, não há primeiros nem últimos. E, a exemplo de Jesus, setivermos que privilegiar alguém, há de ser os excluídos (pobres, aleijados,mancos, velhos, etc). A Santa Eucaristia é o momento oportuno para entendermosque nosso Deus optou pelos marginalizados e nossa felicidade consiste emservi-los e promovê-los, à semelhança de Jesus, que está no meio de nós comoaquele que serve, sem alarde, com simplicidade e modéstia.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *