Formação

Natividade de São João Batista

comshalom

Com muita alegria, a Igreja, solenemente, celebra onascimento de São João Batista. Santo que, juntamente com a Santíssima VirgemMaria, é o único a ter o aniversário natalício recordado pela liturgia.

 São João Batista nasceu seis meses antes de Jesus Cristo,seu primo, e foi um anjo quem revelou o seu nome ao seu pai, Zacarias, que hámuitos anos rezava com sua esposa para terem um filho.

 Estudiosos mostram que possivelmente depois de idadeadequada, João teria participado da vida monástica de uma comunidade rigorista,na qual, à beira do Rio Jordão ou Mar Morto, vivia em profunda penitência eoração. Pode-se chegar a essa conclusão a partir do texto de Mateus: “Joãousava um traje de pêlo de camelo, com um cinto de couro à volta dos rins;alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre”.

 O que o tornou tão importante para a história doCristianismo é que, além de ser o último profeta a anunciar o Messias, foi elequem preparou o caminho do Senhor com pregações conclamando os fiéis à mudança devida e ao batismo de penitência (por isso “Batista”). Como nos ensinam asSagradas Escirturas: “Eu vos batizo na água, em vista da conversão; masaquele que vem depois de mim é mais forte do que eu: eu não sou digno detirar-lhe as sandálias; ele vos batizará no Espírito Santo” (Mateus 3,11).

 Os Evangelhos nos revelam a inauguração da missão salvíficade Jesus a partir do batismo recebido pelas mãos do precursor João e damanifestação da Trindade Santa.

 São João, ao reconhecer e apresentar Jesus como o Cristo,continuou sua missão em sentido descendente, a fim de que somente o Messiasaparecesse. Grande anunciador do Reino e denunciador dos pecados, ele foi presopor não concordar com as atitudes pecaminosas de Herodes, acabando decapitadodevido ao ódio de Herodíades, que fora esposa do irmão deste [Herodes], com aqual este vivia pecaminosamente.

 O grande santo morreu na santidade e reconhecido pelopróprio Cristo: “Em verdade eu vos digo, dentre os que nasceram de mulher,não surgiu ninguém maior que João , o Batista” (Mateus 11,11).

Fonte: Canção Nova


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *