Igreja

Papa aponta as três tentações que dividem as comunidades cristãs

De acordo com o Santo Padre, o Espírito Santo é capaz de fazer maravilhas se somos dóceis e deixamos que Ele vença as três tentações que dividem as comunidades: o dinheiro, a vaidade e o mexerico.

comshalom

Na homilia, o Papa comentou a passagem de hoje dos Atos dos Apóstolos (At 4,32-37) que descreve a vida dos membros da primeira comunidade cristã que tinham um só coração e uma só alma e ninguém considerava como próprias as coisas que possuía, mas tudo era posto em comum, e entre eles ninguém passava necessidade.

O Espírito Santo – afirmou Francisco – é capaz de fazer estas maravilhas. A primeira comunidade cristã é um modelo, um ideal, sinal daquilo que o Espírito Santo pode fazer se somos dóceis. O Espírito cria a harmonia. Depois chegam os problemas e as divisões. Há três causa de divisão: a primeira é o dinheiro. Os pobres são discriminados. O dinheiro divide a comunidade, a Igreja. Muitas vezes, por trás de desvios doutrinais está o dinheiro. A pobreza, ao invés, é a mãe da comunidade. Muitas famílias se dividem por uma herança.

A segunda coisa que divide é a vaidade, o sentir-se melhores do que os outros e o mostrar-se como fazem os pavões. A terceira coisa que divide a comunidade é o mexerico, que o diabo coloca em nós como uma necessidade de difamar os outros. O Espírito vem salvar-nos destas tentações mundanas. Peçamos ao Senhor – foi a oração conclusiva do Papa – a docilidade ao Espírito para que nos transforme e transforme nossas comunidades para seguir adiante na harmonia.

Oração recitada pelo Papa

Meu Jesus, eu creio que estais presente no Santíssimo Sacramento do Altar. Amo-vos sobre todas as coisas, e minha alma suspira por Vós. Mas, como não posso receber-Vos agora no Santíssimo Sacramento, vinde, ao menos espiritualmente, a meu coração. Abraço-me convosco como se já estivésseis comigo: uno-me Convosco inteiramente. Ah! não permitais que torne a separar-me de Vós!

Antes de deixar a Capela dedicada ao Espírito Santo foi entoada a antífona mariana “Regina caeli”, cantada no tempo pascal:

Rainha dos céus, alegrai-vos. Aleluia!

Porque Aquele que merecestes trazer em vosso seio. Aleluia!

Ressuscitou como disse. Aleluia!

Rogai por nós a Deus. Aleluia!

D./ Alegrai-vos e exultai, ó Virgem Maria. Aleluia!

C./ Porque o Senhor ressuscitou, verdadeiramente. Aleluia!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *