Formação

Paradoxos do Natal

comshalom
maria jose menino
Maria, José e o menino em pintura de Lorenzo Lotto (século 16)

Impossível não se impressionar em cada Natal com o mistério tão grandioso que se apresenta a nós, Deus se faz homem, o Pastor se faz cordeiro, a Virgem se torna mãe. Nesses paradoxos natalinos encontramos o nosso lugar, os pecadores são salvos por aquele que é santo, como na manjedoura, ele também quer nascer em nós, não somos os melhores, mas o lugar que Ele escolheu para nascer.

“Ave Mãe do cordeiro-pastor”

Maria trazia no seu ventre um menino que, na verdade, era o Deus Todo Poderoso. Aquele que a ela se apresentava como cordeiro era, na verdade, nosso Pastor. Como dirá mais à frente: “Eu sou o Bom Pastor” (Cf. Jo 10).

Aí que se esconde toda a força de um Deus que é tão poderoso que nasce em aspecto de servo, mas que é Senhor. Senhor que se abaixa a nós para que víssemos o Seu rosto. O rosto de Deus, buscado desde sempre: “Quando terei a alegria de ver a face de Deus?” (Cf. Sl 41), agora se revela no menino.

“Ave vós que sois em uma Virgem e Mãe”

Como pode uma virgem dar à luz a um filho? Quem virá a ser esse menino?

Este paradoxo manifesta o poder de Deus: o menino que é Deus e a mãe que é Virgem. A potência de Deus se manifesta na simplicidade de uma vigem de Nazaré, prometida a um carpinteiro. O Deus-menino não quer se revelar a nós através dos grandes, mas dos pequeninos, assim toda glória pertence a ele.

Aqui encontro o meu lugar, um pobre pecador, que não merece nada do que recebe de Deus, mas é justamente nessa condição que encontra a benevolência de Deus, que o escolhe como o pequeno e pecador para nele manifestar a sua grande obra.

Nos paradoxos do Natal, encontramos a nossa chance de salvação. Alegremo-nos! Ele veio por causa dos doentes, pois os sãos não precisam de médico.

Feliz Natal!

Franco Galdino
Seminarista e missionário da Comunidade de Vida da Comunidade Católica Shalom.

 *A formação e o acompanhamento dos seminaristas são promovidos por benfeitores que contribuem financeiramente e por meio da intercessão. Envie um e-mail para seminaristas@comshalom.org ou curta a fanpage Seminaristas Shalom e saiba como ajudar.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *