Formação

São Bernardo de Clairvaux

comshalom

Ele nasceu no castelo dos Fontaines de Dijon na França,filho de Tescelin Sorrel e Aleth de Montbard. Ele era o terceiro de uma famíliade sete filhos Bernardo estudou em Châtillon e com a morte de sua mãe decidiuentrar na vida religiosa. Em 1112 ele persuadiu quatro de seus irmãos e 27parentes e amigos a entrarem para o Monastério Cisterciano de Cîteaux que tinhasido fundado em 1098 e estava sob a brilhante liderança do Abade São StefhenHarding. Terminado o seu noviciado Bernardo foi enviado com 12 monges parafundar um monastério em Langres. Esta abadia tornou-se Clairvaux , a casa mãedas 68 abadias Cistercianas. Sua reputação com escolástico e santo se espalhoue Bernardo foi o consultor de papas e monarcas. Em 1140 São Bernardo começou apregar e a e a fazer vários milagres e a defender a fé. O controvertido teólogoe filósofo Peter Albélard enfrentou questões de Bernardo sobre racionalismo epromoções do racionalismo humano.

Bernardo ensinou a certeza da fé e da tradicional autoridadecomo antídotos da heresia. Ele foi um instrumento na condenação de Abélard peloConsílho de Sens. Em 1142 Bernardo testemunhou a coroação de um dos seus alunoscomo Papa Eugênio III (1145-1153) e foi o autor do tratado "DeConsideratione" , onde o seu antigo aluno apontava as atitudes e osdeveres de um pontífice e as dificuldades que poderia enfrentar.

Este mesmo Papa enviou São Bernardo para Laguedoc, no sul dafrança , para converter o membros locais da heresia Abinense. Em 1146 elepregou contra os Pogron do Reno e ainda foi a favor da Segunda Cruzada do Rei LuizVIII de França. Ele ficou muito doente e morreu em Clairvaux em 20 de agosto1153.

Considerado por muitos como o segundo fundador dosCirtercianos ele dominou o cenário político e religioso da Europa Ocidental.

Seu escritos místicos incluem "De Diligendo Dei" ,que lança os fundamentos do misticismo medieval. O seu "Tratado do Amor deDeus" e o seu "De Consideratione" são considerados tesouros daFé. Mais de 300 dos seus sermões foram escritos e estão devidamente preservadose escreveu mais de 500 cartas, todas demonstrando sua fé no Divino Infante e naVirgem Maria.

Pela sua brilhante contribuição a teologia ele é chamado de"O Doutor Melífluo". Bernardo foi canonizado em 1174 e declaradoDoutor da Igreja em 1830. Na arte litúrgica da Igreja seu símbolo é um cãobranco e é apresentado com um habito Cisterciense, com uma visão da VirgemMaria.

Suas relíquias foram trasladadas de Clairvaux em 1790 para aigreja Ville–sous-la Ferte, enquanto sua cabeça foi entesourada em um Santuáriona Catedral de Troyes.

Ele é o patrono dos Cistercianos, de Gibraltar e Ligúria e éainda é o padroeiro da Catedral de Speyer na Alemanha, dos criadores de abelhase dos fabricantes de velas.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *