Formação

10 coisas para aprender com Francisco de Assis

Nascido em 5 de julho de 1182, Giovanni di Pietro di Bernardone, foi um religioso italiano, fundador da Ordem dos Franciscanos, era filho de um rico comerciante, mas fez votos de pobreza, e por fim, se tornou um santo popular e baluarte da Vocação Shalom.

comshalom

Giovanni di Pietro di Bernardone, nasceu no dia 5 de julho de 1182, em Assis, na Itália. Popularmente conhecido como São Francisco de Assis, é um dos santos mais populares e mais amados dentro e fora da Igreja Católica. A vida dele ainda hoje inspira pessoas do mundo inteiro e sua mensagem não conhece fronteiras. 

São Francisco é nosso modelo exemplar de vida ofertada, de um despojar inteiramente em Deus, abandonando tudo com confiança de que o Pai fará o melhor. Com este baluarte, somos motivados a viver uma vida de pobreza, obediência e castidade. E tem muito mais que podemos aprender com este santo. Elencamos 10 coisas que podemos aprender com ele. Confira:

1. Viver despojado

São Francisco de Assis abriu mão de tudo o que possuía e descobriu no despojamento seu caminho para a liberdade. Trata-se de saber viver com pouco e usar bem o que se tem (inclusive o dinheiro). É buscar o essencial, despojar-se de tantas coisas supérfluas e inúteis que acabam nos sufocando.

2. Respeitar a natureza

Conhecido como protetor do meio ambiente e dos animais, Francisco nos recorda mais do que simplesmente não cortar árvores: é ser corresponsável por nossa “casa comum” e saber encantar-se com sua beleza e seu Autor.

3. Não ao desperdício

Como recorda o Papa Francisco, “o alimento que jogamos fora é como se o tivéssemos roubado da mesa de quem tem fome”. O Pobre de Assis nos ensina que é preciso ter a coragem de “andar contra a corrente do provisório, da superficialidade e do descartável”.

4. Consciência solidária

Viver despojado, respeitar a natureza e não desperdiçar os bens tem também esta dimensão solidária. Francisco orientava os outros frades a cuidarem uns dos outros “como uma mãe” (e como faz uma mãe, guardar o melhor para o filho!). Tudo o que lhes era doado era repartido também com os pobres.

5. Fiel ao que acredita

São Francisco viveu em um tempo turbulento da história da Igreja e soube reformá-la sem abandoná-la. Em momentos de crise, não devemos abandonar aquilo que acreditamos ou aqueles que amamos. Isso sim muda o mundo! Esta é a verdadeira revolução!

6. Perdoar sempre

Francisco dizia que Deus não havia encontrado nenhum pecador mais vil e insuficiente do que ele, e Deus então o escolheu! A consciência de ter sido largamente perdoado nos ajuda a perdoar também.

Conta-se também que um dia, ao ouvir irmãos que falavam mal de um terceiro, Francisco repreendeu-os e recomendou que, ao invés de expô-lo ao frio da impiedade e julgamento, deveriam cobri-lo com o cobertor do amor discreto e compassivo, que crê e espera sua conversão e suporta suas fraquezas. Afinal, somos todos necessitados de perdão!

7. Ter amigos

“Quem encontrou um amigo, encontrou um tesouro” (Eclo 6,14). Um dos tesouros de Francisco era a fraternidade. Muitos de seus amigos, como também Clara de Assis, também o seguiram na via da pobreza. Rapazes e moças queriam encontrar a alegria e a paz que estranhamente invadia aqueles pobres frades. A amizade brota quando compartilhamos o que existe de mais belo na vida.

8. Uma coisa de cada vez

Francisco dizia: “Faça poucas coisas, mas as faça bem.” Isso é muito útil particularmente hoje, onde dividimos nossa atenção com tantas coisas ao mesmo tempo. Nunca tivemos tantos amigos e seguidores, e nunca sofremos tanto com a solidão. Falando em desconexão, Santa Clara de Assis (amiga de Francisco) é a padroeira dos meios de comunicação e pode nos ajudar também a usá-los bem!

9. Viver agradecido

Uma das maiores marcas de Francisco era sua alegria e gratidão. Agradecia por tudo, agradecia a todos, inclusive a quem lhe negava um farelo de pão. Ninguém tira a paz de quem tem descobriu a verdadeira felicidade!

10. Saber olhar pro céu

Francisco costumava deitar na grama e admirar o céu. Precisamos sair um pouco da vida virtual para contemplar aquilo que há de mais belo ao nosso redor. Olhando para o céu, Francisco contemplava o infinito e o seu Criador. Mesmo nas grandes cidades, há sempre uma brecha para ver o azul, então vale uma pausa todo o dia!

O apelo do Papa Francisco aos jovens no Rio de Janeiro, em 2013, assina muito bem este “estilo de vida” de São Francisco:

“Através de vocês, entra o futuro no mundo. Também a vocês, eu peço para serem protagonistas desta mudança. Peço-lhes para serem construtores do mundo, trabalharem por um mundo melhor. Queridos jovens, por favor, não ‘olhem da sacada’ a vida, entrem nela. Jesus não ficou na sacada, Ele mergulhou… ‘Não olhem da sacada’ a vida, mergulhem nela como fez Jesus”. (Discurso na Vigília de Oração, na praia de Copacabana, durante a JMJ Rio 2013)

Que São Francisco de Assis nos inspire a tornar este mundo melhor!

 

Leonardo Biondo

Seja um Benfeitor

Nos preparamos para celebrar os 39 anos da Comunidade Católica Shalom, e você pode nos ajudar sendo um Benfeitor da Paz.

Site: comshalom.org/shalom39anos

Chave PIX: doe@comshalom.org

Contato: 0800 602 2829


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *