Formação

5 dicas para ter uma noite tranquila

Em oposição ao imediatismo, que tem gerado muita ansiedade em nossos dias, a sabedoria cristã ensina que, em todas as noites, devemos nos abandonar nas mãos de Deus

comshalom

“Apenas me deito, logo adormeço em paz”. Esta expressão retirada do Salmo 4 sintetiza bem o profundo desejo de inúmeras pessoas que há muito perderam a qualidade do seu descanso noturno. Sem prescindir do contributo de outras áreas do conhecimento, queremos, a partir das Sagradas Escrituras e da experiência cristã em geral, refletir sobre como podemos melhorar o nosso sono.

  1. Viver reconciliados

Se, por um lado, guardar mágoas e ressentimentos é causa de adoecimento, por outro lado, é extremamente salutar que tenhamos, ao final de cada dia, a oportunidade de receber e dar perdão, não permitindo que o sol se ponha sobre a nossa ira (cf. Ef 4,26). Alcançados pelo amor de Deus que nunca se cansa de nos perdoar e de nos dar uma nova chance, tornamo-nos capazes de também agir com misericórdia para com aqueles que nos ofenderam. O caminho do perdão nem sempre é o mais fácil, mas com certeza é o mais libertador.

  1. Recordar os benefícios de Deus

Reconhecer a benevolência divina e expressar gratidão pelos sinais do seu amor ao longo da nossa jornada é também um excelente meio de cura para o nosso olhar e para a nossa memória, tantas vezes inclinados àquilo que é negativo. Um estilo de vida marcado pelo louvor é o maior antídoto contra o pessimismo, pois leva-nos a perceber que tudo está repleto da bondade do Senhor.

  1. Entregar-se à providência divina

Em oposição ao imediatismo, que tem gerado muita ansiedade em nossos dias, a sabedoria cristã ensina que, em todas as noites, devemos nos abandonar nas mãos de Deus como uma preciosa construção em andamento, na confiança de que Ele, em sua bondade infinita, não deixará inacabada a obra de suas mãos (Salmo 137,8). As promessas de Deus são dignas de confiança, mas exigem uma paciência histórica e uma fé provada pelo tempo. Precisamos aprender a lançar sobre o Senhor as nossas preocupações, certos de que Ele, o Pai das providências, cuida de nós mesmo quando dormimos (cf. 1 Pd 5,7).

  1. Interceder

Uma das coisas mais gratificantes e capazes de dar sentido à vida é fazer o bem aquem precisa. E interceder é uma forma especial de comunicar aos outros o Sumo Bem que é Deus. Além disso, quando saímos de nós mesmos para rezar por quem sofre, nós nos descentralizamos das nossas próprias dores e nos abrimos à solidariedade fraterna, cujo fruto saboroso é inequivocamente a paz. Não são poucos os testemunhos daqueles que encontraram a cura dos próprios males enquanto buscavam o bem para os outros.

  1. Colocar-se sob a proteção da Virgem Maria e dos santos

Quem tem fé nunca está sozinho em seus trabalhos e lutas. Além da presença amiga do próprio Deus que o habita, o cristão ainda pode contar com a ternura maternal da Santíssima Virgem Maria e com a solicitude fraterna dos santos. Aqueles membros da família de Deus que já estão na glória celeste “sentem uma grande compaixão de nossas misérias. Eles se recordam de que, sendo frágeis e mortais com nós, cometeram as mesmas faltas, sustentaram os mesmos combates, e sua ternura fraternal se torna ainda maior do que era sobre a terra e por isso não cessam de proteger-nos e rogar por nós” (Santa Teresa de Lisieux, citada por Hans Urs von Balthasar. Historia de una misión. p. 76).

Assim, poderemos exclamar com confiança:

“Os nossos corações sonhem convosco:
no sono, possam eles vos sentir.
Cantemos novamente a vossa glória
ao brilho da manhã que vai surgir.”

Hino das Completas (oração da noite).

 Vicente Tomaz de Souza Junior

 


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *