Institucional

7 anos de Missão em Nazaré – Israel

comshalom

IMG_0089

No último domingo, dia da Natividade de Maria, tivemos a alegria de celebrar os sete anos da missão de Nazaré e com este evento contemplarmos a fidelidade de Deus no cumprimento de suas promessas a nosso respeito, no crescimento em sabedoria, idade e graça, como o Verbo Encarnado, na vida oculta em Nazaré. Como disse Papa Paulo VI em sua visita a este lugar :

“Nazaré é a escola onde se começa a compreender a vida de Jesus, a escola do Evangelho. Aqui se aprende a olhar, a escutar, a meditar e penetrar o significado, tão profundo e tão misterioso, dessa manifestação tão simples, tão humilde e tão bela, do Filho de Deus. Talvez se aprenda até, insensivelmente, a imitá-lo. Aqui se aprende o método que nos permitirá compreender quem é o Cristo. Aqui se descobre a necessidade de observar o quadro de sua permanência entre nós: os lugares, os tempos, os costumes, a linguagem, as práticas religiosas, tudo de que Jesus se serviu para revelar-se ao mundo. Aqui tudo fala, tudo tem um sentido. E com esta graça temos aprendido as três  lições de Nazaré. Primeiro, uma lição de silêncio, essa admirável e indispensável condição do espírito. O silêncio de Nazaré ensina-nos o recolhimento, a interioridade, a disposição para escutar as boas inspirações e as palavras dos verdadeiros mestres. Ensina-nos a necessidade e o valor das preparações, do estudo, da meditação, da vida pessoal e interior, da oração que só Deus vê no segredo. Uma lição de vida familiar. Que Nazaré nos ensine o que é a família, sua comunhão de amor, sua beleza simples e austera, seu caráter sagrado e inviolável; aprendamos de Nazaré o quanto a formação que recebemos é doce e insubstituível: aprendamos qual é sua função primária no plano social. Uma lição de trabalho. Ó Nazaré, ó casa do “filho do carpinteiro”! Aqui compreender e celebrar a lei, severa e redentora, do trabalho humano; aqui, restabelecer a consciência da nobreza do trabalho; aqui, lembrar que o trabalho não pode ser um fim em si mesmo, mas que sua liberdade e nobreza resultam, mais que de seu valor econômico, dos valores que constituem o seu fim. “

Celebramos um tempo novo de evangelização e de florescimento da Obra Shalom. Celebramos ainda a crescente difusão do Carisma através do cotidiano de um trabalho simples e escondido. Aqui, somos testemunhas do tempo, kairós de Deus. E nas mãos de Maria só nos resta a gratidão.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. boa noite
    eu assisto todo sabado o terço luminoso ai da basilica da anunciação em karen israel atraves da canção nova,sou uma pessoa simples em tudo falo so portugues mas amei as musicas que voces tocam no terço aos sabados, seria possivel voces enviar a partitura com a letra em arabe , mesmo do jeito que voces cantam ai, para mim, sao 3 os hinos que voces cantam, ave ó clemns, ave maria passa na frente, asselai deve ser isso, por gentileza , por favor pode cobrar que eu pago a voces . pode ser por email mesmo.
    muitissimo obrigado