Formação

A Igreja une-se em oração. Parabéns, Papa Bento XVI

comshalom

Há 12 lustros, era chamado e confirmado pela Igreja para se tornar “alter Christus”, sacerdote, presbítero, o nosso amado Papa Bento XVI, que respondia com o sim definitivo ao chamado do Senhor. Essa resposta de quem tinha sido escolhido desde o seio de sua mãe foi sem dúvida renovada com o mesmo ardor, e intensificada como resposta ao amor primeiro em muitas ocasiões especiais e em cada um desses mais de 21.000 dias que se passaram.

A Igreja Católica inteira une-se, pela oração, ao seu Pastor Supremo neste abençoado dia 29 de junho de 2011, dia de ação de graças. O júbilo é realmente muito singular, sem dúvida, pois poucos são os que alcançam a graça de tal celebração: sessenta anos como dispensador dos mistérios da misericórdia de Deus, administrando os sacramentos, agindo como Cristo Cabeça no exercício do tria munera de santificar, governar e ensinar, participando do Sacerdócio de Cristo.

São sessenta anos reconciliando e dando o alimento e bebida da salvação, mostrando aos fiéis que a fidelidade à Palavra de Deus é o caminho para a descoberta e o cumprimento da Sua vontade.

Ordenado presbítero no dia em que a Igreja celebra em uma única festa aqueles que foram chamados a dar testemunho do seguimento do Cristo com a própria vida, Pedro e Paulo, o Romano Pontífice é chamado para o serviço de todos os irmãos, confirmando-os na fé.

A Providência Divina fez com que o jovem Joseph se tornasse também Sucessor dos Apóstolos, como Bispo, desempenhando seu ministério como “cooperador da verdade”, e ainda a mesma Providência o faz sucessor do Apóstolo Pedro, desempenhando seu ministério, recordando-nos que Deus é amor, que fomos salvos na esperança, e que a caridade se põe em prática na verdade.

Em união com este evento, somos chamados a viver sessenta horas de adoração a Jesus Sacramentado, horas que concluirão com a solenidade do Sagrado Coração de Jesus, quando celebramos a jornada de oração pela santificação dos sacerdotes. Orando pelo nosso Papa, dando graças pelos seus sessenta anos de ministério sacerdotal, nos uniremos a todos os sacerdotes e dirigimos nosso olhar e vida para aquele que é a fonte e o cume de todos os sacramentos, a fonte e o cume da nossa própria vida espiritual, Jesus Eucarístico, suplicando por todos os que se consagraram a Deus.

A Igreja de São Sebastião do Rio de Janeiro, o seu Arcebispo com todo o clero, unido ao povo santo de Deus quer dizer unissonamente: DEUS ABENÇOE O PAPA BENTO XVI nos seus abençoados sessenta anos de ministério presbiteral. Deus seja louvado pelo bem que distribuiu, pelo perdão que renovou e pela graça de suas mãos abençoadas como dispensador da graça, da salvação e da misericórdia do Senhor.

Obrigado ao Santo Padre pelo seu ministério sacerdotal. Agradeçamos a Deus Uno e Trino que o chamou para a filiação divina pelo batismo e para ser ministro dos seus mistérios por meio do sacerdócio. Vida longa e profícuo ministério sacerdotal ao Papa Bento XVI.

† Orani João Tempesta, O. Cist.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *