Notícias

A rotina pode ser uma grande aliada nesse tempo de isolamento social

Definitivamente viver este tempo de forma ordenada é um grande auxílio para a nossa saúde psicológica e para que cresçamos em santidade.

comshalom

O distanciamento social nos pegou desprevenidos e mudou completa ou parcialmente as relações com o nosso lar. Agora é em casa que procuramos nos exercitar, rezar, descansar, trabalhar… Para quem não estava acostumado a fazer tudo no mesmo ambiente, é uma mudança e tanto!

Uma saída para tornar os dias mais leves e não ficarmos em uma inércia negativa é construir e manter uma rotina.

Talvez criar a rotina seja o passo mais fácil, afinal, nós sabemos o que precisa ser feito. O mais difícil mesmo é balancear tudo, encontrar o equilíbrio e não passar todos esses dias em um estado de paralisação completa e protelando as atividades para amanhã.

Veja algumas dicas práticas para que esses dias sejam vividos da melhor forma possível:

Crie a sua rotina

Escreva as suas tarefas diárias. O que, de forma geral, você precisa fazer todos os dias? Além das suas “obrigações”, o que você gostaria de fazer? Ler mais? Se exercitar? Registre tudo e em seguida vá distribuindo horários de acordo com as suas prioridades. Lembre-se de não exagerar, você não tem como colocar tudo em prática de uma vez só e os dias continuam tendo 24h. Escolha aquilo que é mais importante, estabeleça alguns horários base e pronto, os ajustes vêm depois.

Coloque em prática

Rotina é hábito e ninguém cria um hábito do dia para a noite. É importante que você tenha isso bem claro para que a sua rotina não cause estresse em vez de te ajudar. Se você tem muita dificuldade em seguir planejamentos, comece devagar. De repente, monte apenas a sua rotina da manhã com as atividades mais importantes como acordar, rezar, ir à missa… Quando os primeiros hábitos estiverem bem estabelecidos, implemente os demais. Dica extra: se a vida interior vai bem, o restante tende a se organizar com menos dificuldade, então priorize isso.

Tenha paciência

A chave de tudo é cultivar a virtude da paciência. Não se desespere se não conseguir acordar no horário proposto ou se a rotina não estiver saindo exatamente como você planejou. Saber lidar com isso é uma parte importante do processo.

Não desista

Busque ser resiliente e comece quantas vezes for necessário. Não é fácil, mas certamente você poderá olhar para o seu dia e ver que está se esforçando para encarar tudo isso da melhor maneira. Lembre-se de pedir o auxílio do Espírito Santo, afinal, não precisamos tentar resolver tudo com as nossas próprias forças.

Definitivamente viver este tempo de forma ordenada é um grande auxílio para a nossa saúde psicológica e para que cresçamos em santidade. É um tempo de incertezas que nos causam incômodos, mas como não podemos mudar a situação, vale a pena nos esforçar para fazer o que está no nosso alcance.

Tempo é vida e não faz sentido desperdiçarmos isso sem ao menos tentar avançar, não é?

 

Isabel Azevedo | Missionária da Comunidade de Aliança Shalom em Natal (RN)


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *