Notícias

Amigo dos Pobres em Recife: O pobre enriquece a missão

A missão Recife da Comunidade Católica Shalom realizou no último sábado, 14, na Paróquia de Fátima, em Boa Viagem, o Point da Paz no Dia Mundial dos Pobres, uma ação voluntária em vista da data instituída pelo Papa Francisco.

comshalom

Durante todo o dia de ontem, pessoas foram acolhidas com serviços de higiene, atendimento laboratorial, distribuição de alimentos, roupas, produtos de uso pessoal e principalmente com oração. Crianças, jovens, adultos e idosos que chegavam eram recebidos com muito zelo e cuidado e introduzidos na dinâmica do amor de Cristo através da caridade.

A ação foi um grande momento de graças para as pessoas que estavam servindo e para aqueles que foram beneficiadas com o trabalho voluntário e se permitiram ser amados e cuidados pelos membros da comunidade.

Serviços prestados

A ação promoveu o atendimento a 85 irmãos em situação de rua. Ivoneide Dutra tem 66 anos e foi uma dessas pessoas atendidas pela comunidade. Ela recebeu atendimento médico e refeição, ganhou roupas e chinelos novos e ainda pôde contar com serviço de higiene das unhas, realizado por uma missionária. “Achei muito bonito esse trabalho e fui muito bem tratada aqui”, contou enquanto fazia suas unhas.

“Nós, da missão Shalom Recife, aprendemos muito com nossos irmãos mais necessitados e saímos com a certeza que como disse São Francisco ‘Pouco ou nada fizemos'”, disse Emanuela Umbelino missionária da Comunidade que coordenou o evento.

Testemunho

Ana Clara, 21 anos, consagrada da Comunidade de Vida sentiu seu coração inflamado ao servir no evento e partilhou o que significou este dia para ela.

“Participar dessa ação foi tocar no próprio Cristo. Cristo pobre, chagado, faminto… Olhava para eles e pensava: ‘meu Deus, o que estou fazendo aqui não vai solucionar nada, não vai tirá-los da rua, eles vão comer agora e amanhã vão ter fome de novo’… Mas, depois entendi que Deus quis que eu estivesse ali não pra ser a solução deles, mas pra que eles me curassem, eles me salvassem, eles me tirassem do meu egocentrismo. Saí dessa ação com um sentimento totalmente diferente: o pobre me enriquece!”


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *