Formação

Deus é o amor e a felicidade

comshalom

O amor de Deus pela humanidade não pode ser apenas um entendimento, mas uma experiência. De acordo com o missionário da Comunidade de Aliança Shalom Lucas Soares, 26, Deus é o próprio amor e a verdadeira felicidade. “O segredo da felicidade é entender que eu sou chamado a amar como Deus ama, ofertando a minha vida pelos outros”, destacou. “Amor de Deus” foi o tema da primeira pregação do Seminário de Vida no Espírito Santo no Reviver Rio 2014. A programação vai até a terça-feira, 4.

O missionário conduziu sua fala a partir de quatro questionamentos principais: Qual o verdadeiro significado do amor? O que Deus considera amor? Como Deus ama? Quais são as características do amor de Deus? Pessoal, gratuito e misericordioso é o amor de Deus pela humanidade. É igualmente bondoso, paciente, compassivo e nos ensina que não há felicidade a não ser doando e ofertando a vida em vista do outro. “Não somos mais um aos olhos de Deus, mas Ele nos ama como se fôssemos filhos únicos. Deus ama você do jeito que você é, com tudo o que você é. A sua fraqueza não é uma impossibilidade para você experimentar o amor de Deus”, defendeu Soares.

A gratuidade do amor de Deus mostra que não é preciso ser nem fazer nada para Deus nos ame. Ele tem ainda por todos misericórdia. Ele lembra que Deus nos cria a sua imagem e semelhança. “Não importa como os homens nos geraram; importa como Deus nos criou primeiro”, ressaltou.  A liberdade do homem precisa ser vivida na lógica de tudo ordenar para o amor que não busca os próprios interesses.
Pecado e salvação
“Se Deus nos ama tanto, por que acontecem tantas coisas ruins?”, questionou Giselle Azevedo, missionária da Comunidade de Aliança Shalom. Ela pregou acerca do tema “Pecado e Salvação” no Seminário de Vida no Espírito Santo. A resposta para as maldades do mundo estão no pecado que nos afasta de Deus, de acordo com ela. “Pelo pecado, o homem escolhe uma vida independente de Deus. Nasce em seu coração a soberba porque ele se volta contra si mesmo. Voltando-se para si, ele trai aquilo que foi criado para ser. E quando começa a olhar somente para si, experimenta a infelicidade”, explicou Giselle.

A missionária lembrou que o Senhor pensou o homem e todas as suas criaturas para a felicidade e os criou à sua imagem e semelhança. Mas o homem, influenciado pelo inimigo, preferiu usar sua liberdade para se afastar de Deus. “O salário do pecado é a morte”, mas Jesus trouxe ao mundo a Salvação, assumindo sobre si a pena de morte na cruz. A resposta de Deus à nossa infidelidade é a misericórdia, explicou.

Experiência de Deus
A psicóloga Rafaelle Melo, 25, teve uma experiência com a misericórdia de Deus que a levou a querer experimentar desta vida nova. “Essa experiência me leva a querer descobrir como é viver esse amor, essa novidade”, destacou. O demônio busca atrair os homens primeiramente para que eles busquem os próprios interesses e se afastem de Deus, destacou o seminarista Elvis Rodrigues, 23. De acordo com ele, esse foi o aspecto da pregação sobre pecado e salvação que mais chamou a sua atenção. Mas a misericórdia de Deus supera tudo. “É uma alegria saber que mesmo nas nossas misérias Deus insiste em nos salvar”, ressaltou.

Veja fotos aqui.

Por Teresa Fernandes


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *