Institucional

A diferença que um Tau faz

Ser Discípula é ser constrangida pela misericórdia de Deus todos os dias!

Jesus disse a eles: A paz esteja com vocês. Assim como o Pai me enviou eu também vos envio”. (Jo 20,21)

Quando o Senhor nos elege para uma vocação especifica, Ele nos faz reconhecer que nenhum mérito temos e que somos totalmente incapazes de com as nossa forças correspondermos ao seu imenso amor. Porem com o auxilio do Espirito Santo e com a sua graça, Ele nos envia a ser instrumento da sua paz para toda a humanidade.

No ano de 2017, ingressei no discipulado da Comunidade Católica Shalom e neste caminho vou descobrindo que ser discípula de Jesus Cristo vai muito além da minha compreensão e além dos meus esforços, ser discípula é ser constrangida pela misericórdia de Deus, pois, mesmo em minhas quedas Ele me impulsiona a corresponder ao seu amor me enviando todos os dias a anuncia-lo não só com palavras, mas, também por meio das minhas atitudes.

Após alguns dias que recebi o tau – sinal visível da eleição de Deus – encontrei um morador de rua na porta da igreja. Quando ele viu meu sinal perguntou se eu era franciscana, e ali vi a oportunidade de evangelizá-lo. Fiquei um bom tempo falando do amor de Deus e da Sua misericórdia por cada um de nós e ali ele foi abrindo a sua história de vida para mim.

Depois que entrei na igreja para rezar fui entendendo que é para este povo que o Senhor me elege e é para as necessidades desta cidade que ele me envia a ministrar a paz.

Ser discípula de forma concreta é ter um coração cheio de gratidão, é poder dar de graça o que de graça recebo todos os dias, é esvaziar-me das minhas vontades e doar-me inteiramente a Deus e ao outro sem esperar nada em troca.

Alana Caroline Carneiro

Discípula da Comunidade de Aliança da Comunidade Católica Shalom

Ponta Grossa, Paraná.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *