Shalom

Dom Aldo: tentações, crises e vitória

Há uma graça que supera toda tentação, pois o Senhor vence as trevas

comshalom

Para uns, a euforia passou e agora é vida real. Caem as máscaras das fantasias. Acabam os amores, afinal, era só Carnaval. Para outros, começa uma vida nova, renascida em Cristo. Como disse o presidente da última missa do Renascer, o arcebispo emérito da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, foram dias de alegria serena que vem da Palavra de Deus, do compromisso cristão.

“Amanhã começa a Quaresma, em preparação para a Páscoa, e devemos estar atentos às tentações”, disse o celebrante. “No Evangelho, lemos que o Espírito levou Jesus ao deserto para ser tentado e para vencer. Nós também somos tentados pelas tendências que o pecado produz em nossas vidas. Somos incitados, provocados. A consciência se encanta com as seduções, as mentiras. A grande tentação é achar que Deus não me ama. O inimigo quer que duvidemos do amor de Deus”. No entanto, segundo Dom Aldo, há uma graça que supera toda tentação. “O Senhor vence as trevas. Jesus chega e liberta o homem do mal. Jesus cura e ensina com grandes sinais, como a multiplicação dos pães. Jesus não é teoria, abstração, exibição, ideologia. Ele chama a participarmos do Reino de Deus”.

Dom Aldo ressalta que Jesus vê a capacidade de aderir que cada um tem, levando em consideração a mentalidade apegada a vícios e ao mundo. Mas ainda assim Ele revela sua filiação. “Ainda não compreendemos que o pão multiplicado é Jesus, o alimento para nossas vidas. O alcance de nossa compreensão é mínimo. Ele convida a passarmos pela crise para carregar a cruz e ressuscitarmos. Tira-nos da vida de aparências. Ele nos sustentará na crise. Ele enfrenta a crise da resistência e da ignorância. Passaremos por muitas tribulações. Devemos pedir a graça de não estarmos divididos mas integrados no Senhor”.

Atenta à homilia, Maria Soares, de 41 anos, disse que se emocionou muito com o Renascer. “Saio daqui com mais fé e confiança pois sei que nada é impossível para Deus”.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *