Formação

Encerrando o Jubileu

comshalom

Quantas graças temos a agradecer a Deus por todo este jubileu que vivemos. Graças especiais, dons de Deus, bênçãos que puderam, durante todo este ano, serem recebidas e assumidas pela Comunidade. Este dia de encerramento de Jubileu passa a ser para todos nós um dia de agradecimento e de envio. Somos gratos ao Senhor, por toda a alegria e responsabilidade que o reconhecimento pontifício e o jubileu nos trouxe.

Foram tantos presentes, graças que nos enviaram para a missão no mundo. Como repassar tantos dons em tão pouco espaço e tão poucas possibilidades lingüísticas sem perder seu peso, e sem infelizmente deixar de citar vários outros fatos importantes para a Comunidade.

Já desde o início do ano em que se iniciaria o jubileu recebemos muitas graças. O Reconhecimento Pontifício, que foi para nós um dom de graça única, reconhecimento pela Igreja de que todo o nosso carisma vem de Deus e é para a Igreja, e especialmente o envio, pelo mesmo reconhecimento, para o mundo todo. Reconhecimento no Vaticano fruto dos testemunhos dos tantos bispos que afirmaram: o Shalom é uma graça para a Igreja. Assim como nos disse o bispo de nossa casa mãe: seu campo de missão é o mundo. Assim como saudou-nos sua Santidade o Papa: Shalom, sede Igreja missionária (só suas palavras dá vários textos desses).Todo o tríduo de recebimento do decreto com sua graça e orientação singular que marcaram a comunidade. Estar aos pés de Pedro, na “Igreja que preside a Igreja na caridade”, impressionando a Sé pela vitalidade própria do carisma. Fatos inusitados que serão para sempre história na Comunidade.

Ainda nos limiares do Jubileu, participarmos do CELAM, principal evento eclesiástico pastoral da América latina e Caribe, contribuindo e acolhendo todo o envio da Igreja para uma missão de evangelização Continental.

As festividades do início do Jubileu, com placa no Shalom servindo de marco/ Lançamento do selo alusivo/Resgate do histórico através da exposição de fotos/ testemunho dos primeiros em mesa redonda, e a grande missa de Comemoração do Jubileu, previamente preparada através do tão belo show Resposta, que relia artisticamente o início da Comunidade. “Constatar a presença dos Bispos que vieram testemunhar o grande presente que é o Shalom em suas Dioceses, ver chegar as centenas de pessoas que acorreram de todas as partes do Brasil e do mundo para testemunhar com suas vidas a alegria de ser Shalom é uma graça inesquecível”.

As grandes graças de evangelização iniciadas aqui e perpetuadas a todas as missões. O Halleluya 10 anos em que o empenho a evangelização foi tanto que grande parte da estrutura de serviços foi terceirizada para que investíssemos o máximo de empenho na evangelização. Tornando este o Halleluya que mais abriu nossos olhos à Importância do anúncio. A atenção à evangelização efetiva da pessoa em si, não simplesmente dando uma experiência com Deus, mas cuidando de sua caminhada promovemos encontros e novos grupos, obra inédita em Fortaleza, engajando assim dez grupos de oração neste caminho de amizade com Deus, que é o bem verdadeiro do homem. A vigília de Evangelização, que começou tão tímida e pontual e hoje é realizada quinzenalmente, graça que se perpetua a todas as missões, e que por sua vez traz à Comunidade seu sentido de evangelizar com ousadia, parresia, criatividade. O Renascer que desde o início daquele ano nos era motivado pelos fundadores: foquem sem esforços não em buscar quem está dentro da Igreja, mas destes que sequer estão acordados de dia para receber panfletos porque passaram a noite pelo mundo. Assim a atenção dada a evangelização viria a ser neste jubileu a nossa grande experiência.

A própria formação da Comunidade que já desde seu discipulado na comunidade de vida se intensifica na atenção evangelizadora, fazendo os irmãos já partirem para as missões tendo se “afervorado” profundamente para a evangelização da pessoa humana.

A Providência de Deus, e a difusão do Carisma ficam claros quando tudo concorreu para a entrega inicial da Diaconia, o novo centro administrativo da Comunidade, situado próximo à Fortaleza, e que potencializará em todos os termos de qualidade e eficácia o trabalho dos Assistentes, Assessores e Secretários Gerais que passarão de vez não a lidar tanto com a realidade local mas bem melhor com a assistência do mundo todo. A missa de entrega do prédio central neste último dia 6 marcou a importância da Diaconia para a vocação, “coração que bombeia o carisma para o mundo”e ressaltou o agradecimento à Providência de Deus.

A expansão missionária com tantas graças, no Brasil e no mundo, novos centros, novas oportunidades de evangelização que abraçamos. Como não citar, os centros de evangelização e os Halleluyas na França, a obra em Montevidéu que iniciado há pouco tempo já alcança tanta gente. Recentes seminários de vida em países de irmãos tão carentes de evangelização. Os amigos do Shalom que saltam em quantidade e em serem servidos.

“Porém, a obra interior, também despontava com todo o seu esplendor. No escondimento, no dia a dia, na dor e no amor, na vida ofertada, sacrificada, partida em favor da Igreja, dos jovens, do mundo.” A conversão da comunidade que de modo especial nestes últimos meses na casa mãe, seus cerca de dois mil membros tiveram quase que diariamente durante todo o mês encontros e orações sobre largar os ídolos, que frutificou em profundas experiências em dar a primazia a Deus. Campanha interna à Comunidade de revestir-se do Espírito e reparar as brechas, de tal força rumo à pobreza, que muitos irmãos de muitos anos de Comunidade jamais haviam experimentado algo de conversão tão profunda assim.

O Fórum Carismático, que se dedicou de modo tão enfático à Evangelização, que refletiu e aprofundou todo o chamado à Missão Continental da Evangelização. Abordando a Evangelização pelas Artes, pela Palavra de Deus, pela Abordagem pessoa a pessoa, pelos grandes eventos. Resumindo o mesmo, se isto fosse possível faríamos referência à palavra do Moysés em dizer “você está contente e achando estar tudo bem em ter cinco mil pessoas indo à missa, e os outros 95% onde estão?”

A Obra com os pobres que frutifica a 10, 30, 100 por um. Os grupos que crescem, a formação que é direcionada à mergulharmos no carisma, o perdão das dívidas, o crescimento vocacional. O mundo necessitado de Deus, pelo sim de tantos irmãos que doam e ofertam suas vidas, se torna de pouco em pouco, mais servido pela comunidade.

Seria impossível partilhar em tão pouco espaço tantas graças. Resta ter de deixar de citar tantas por aqui, e por mais que um pouco constrangido por deixar de mencionar as várias bênçãos que aconteceram, prosseguir o agradecimento, que com certeza, este sim será tão pouco diante de um Deus que merece todo o amor do mundo e que se supera sempre mais em generosidade.

Bendito seja este nosso Deus, por tantas graças, bendito seja o Senhor nosso Deus por tantas bênçãos, bendito seja Deus também por todo o envio missionário soprado neste ano. Bendito seja o Senhor que nestas almas tudo realizou.

Parabéns Shalom, em todos os seus Membros, Ovelhas, amigos, benfeitores, construtores, ouvintes, leitores, por estes seus hoje 26 anos. Dia que marca o agradecimento por tantas graças e que marca o envio para o mundo! Parabéns, pois se uma só alma que se converte traz alegria no céu, o trabalho da Comunidade seja assim cada dia pelo céu abençoado.

E obrigado a você que por seu empenho, generosidade, contribuição, doação de vida e de bens, possibilita a obra de Deus acontecer.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *