Institucional

Encontrei o que eu preciso para ser feliz!

comshalom

Se me pedissem para definir em uma palavra a minha experiência no seminário “Tudo que preciso para ser feliz” a palavra escolhida seria INEXPLICÁVEL! Assim, deixo claro desde o início deste testemunho que nada que eu diga será suficiente para descrever o que vivi.

Criada em uma família católica, sempre tive consciência de que Deus estava ali ao meu lado, até mesmo quando eu não estava ao lado Dele, mas nunca me achei digna o suficiente para sentir sua presença de fato. Então quando ouvia alguém dizer que havia sido tocado pelo Espírito Santo e que se sentia amado por Deus, eu pensava: “Nossa, que sorte tem essa pessoa! Pena que eu não consigo me sentir tão próxima Dele”.

De qualquer forma, por ter certeza de Sua existência e acreditar no que as pessoas me contavam, eu tentava conversar com Deus colocando em Suas mãos a minha vida, com as alegrias e as dificuldades que enfrentava. Quando tomava decisões difíceis, pedia à Ele que me mostrasse qual caminho seguir, mas quando Ele me apresentava os tão esperados sinais, eu, por desacreditar da minha capacidade em ouvi-lo, colocava na minha cabeça que tudo não passava de coincidência.

Por achar que não era boa o suficiente para ser íntima de Deus fui resistente aos chamados que Ele me fazia para viver essa experiência. Em um momento conturbado de minha vida comecei a receber convites Dele para conhecer o Shalom. Estes vinham das formas mais variadas: por panfleto, cartão e até nos meus sonhos. Eu tinha a impressão que quanto mais intensamente eu resistia aos convites, na mesma proporção Deus continuava a insistir, até que um dia, depois de tanta persistência, eu aceitei e me propus a participar do seminário.

Durante o seminário mentalmente eu repetia “Ok Senhor, eu estou aqui, você conseguiu! Mas o que tem de tão especial para mim neste lugar ao ponto de eu precisar estar aqui hoje?”. Ao transcorrer da tarde ouvi algumas daquelas lindas histórias de como Deus havia tocado o coração daquelas pessoas, e achei que Ele queria justamente que eu, através da vivência delas, passasse a sentir o Seu amor.

Entretanto, Deus guardava algo grandioso para mim, e minha resposta veio no momento de adoração. Foi espantoso quando os servos rezaram por mim e começaram a dizer às visualizações que o Espírito Santo lhes dava: elas eram as respostas do que eu pedia a Deus! Aquelas pessoas não sabiam da minha vida, nem do que eu havia passado, mas respondiam exatamente o que eu pedia a Ele. Naquele momento eu tive a certeza de que estava inteiramente aberta para Deus e finalmente senti aquilo que jamais achei que seria digna de sentir. O Espírito Santo visitou meu coração, curou feridas que eu achava que já estavam cicatrizadas e me deu o presente de viver uma vida nova. Eu sentia que Deus me pegava no colo e eu só conseguia ser grata por tamanho amor. Se antes eu estava com frio, naquele instante eu sentia um calor intenso, era o fogo do Espírito Santo agindo em mim.

Depois disso eu fiquei em êxtase, simplesmente não conseguia entender tudo que havia vivido. E, sendo sincera, acho que ainda continuo assim, tenho vontade de contar para todos o que vivi, e mais ainda, de que todas as pessoas tenham a chance de viver essa experiência também. Sou grata à Deus por tamanha insistência de fazer por mim aquilo que nem eu sabia que precisava ser feito.

 

Carolina Emerick de Souza


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *