Shalom

Existe uma vida para nascer em você no Natal

comshalom

Quantos Adventos você já passou na vida?

No Anúncio do Anjo a Maria, ele diz: “Alegra-te, cheia de graça. O Senhor está contigo!”. Neste anúncio, Maria engravidou. E em você, o que gera em seu coração? Do que está grávida ou “grávido” neste Advento? O que tem dentro de você que vai nascer neste Natal? Pois, cada Advento é uma nova gestação!

Durante a gestação ocorrem muitas mudanças. Neste Advento, quais as sensações dentro de mim, quais os sentimentos? Quais as expectativas? O que está mudando em mim? Quais são as vozes que estão mudando dentro de mim? O que eu vou fazer quando esse filho, essa obra pessoal nascer?

O Advento nos leva a um momento onde o “Ave” ou “Alegra-te” deve impulsionar os nossos corações, a ponto de reconhecermos que estamos grávidos de uma Obra Nova de Deus, que mudará completamente nossa vida. Existe uma vida para nascer em mim e em você.

A dor envolve o nascimento. A dor consolida o amor. No Advento, vivemos esses momentos de dor, próprios da gestação. Talvez não estejamos nos reconhecendo ou estejamos chorando compulsivamente, sem motivo aparente. Isso também faz parte da gestação, as mulheres que o digam. Talvez estejamos vivendo uma angústia sem definição, cujo o único motivo é aquilo que está sendo gerado em nós. Essa vida nova precisa ter um nome, pois quando ela nascer no Natal, precisará ser conhecida, ser batizada.

O Advento nos prepara para o Natal que é sinônimo de Vida Nova. O Advento nos prepara para o nascimento da nossa alma. Jesus vem ao mundo como Luz e arrasta a nossa escuridão para essa Luz. Vida Nova! Esperança! Qual o nome desse filho que vai nascer? Pode ser que meu filho, essa Obra Nova de Deus, venha a se chamar Evangelização. Ou, talvez, seja Esperança. Ou, quem sabe, Coragem.

Esse filho que vai nascer, essa Obra Nova de Deus, é precioso, mas ele vai dar trabalho. Esse filho, que vai nascer no Natal, vai mudar a nossa vida. Esse filho que vai nascer nos fará quebrar os espelhos e sair de nós mesmos. Quais as expectativas que você tem desse filho que vai nascer? Quando esse filho nascer, você vai precisar anunciar que essa obra foi uma obra de salvação na sua vida por meio desse Advento. Essa Obra Nova é uma obra querida por Deus, que nos fará crescer. Não trata-se de uma obra do acaso, é vontade de Deus!

Maria, com plena pobreza, abraçou a Obra de Deus. Nós, muitas vezes, por uma imensidão de orgulho, rejeitamos a Obra de Deus. Essa Obra precisa ser reconhecida por nós, mas talvez ela não aconteça onde ou da forma que nós desejamos. É essencial pedir a Deus: “Senhor, dá-me a graça da pobreza, a graça de, abandonado em Suas mãos, ser obediente e constituir em meu coração e em minha carne a castidade”.

A Igreja nos proporciona um grande tempo de mudança, um tempo único. A partir do nascimento, esse filho que vai nascer terá um lugar no mundo. Ele será para a Igreja, para a Comunidade, para a Humanidade que sofre, para o Tomé que precisa conhecer Jesus Cristo.

Keila Delgado, missionária da Comunidade Católica Shalom
(pregação, mantido tom coloquial)
Transcrição: Angélica Moura


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *