Institucional

A força de uma decisão

Queila Rosa, missionária da Comunidade de Vida
Queila Rosa, missionária da Comunidade de Vida
Queila Rosa, missionária da Comunidade de Vida

Sou Queila Rosa, tenho 29 anos, sou natural da Bahia, consagrada da Comunidade de vida, moro na missão de Itapipoca e tenho aproximadamente 6 anos de comunidade.

Vou testemunhar como foi sair do Discipulado e chegar nesta linda terra de missão.

Como todo discípulo, saí do Discipulado com grande desejo de viver uma oferta total da minha vida, nunca quis dar pouco à Deus, sempre fui muito intensa, característica essa que ajudou muito.  Só que quando cheguei na missão vivi muitas dificuldades, realidades próprias: pessoalmente, comunitariamente e apostolicamente; na nossa linguagem: “vivi um tempo intenso de obras”.

Precisava viver um amadurecimento e parece que não tinha encarnado essa realidade. Precisava sair da postura de ser cuidada para cuidar de um povo que o meu Senhor me confiava.

Daí decidi suplicar ao Senhor que me ajudasse a crescer, a amadurecer, a intervir, a deixar de agir como uma criança mimada. Pedia que Ele despertasse em mim a maturidade e encarnasse em mim o Evangelho. Por orientação das minhas formadoras, comunitária e pessoal, num determinado momento li novamente o livro Louvor Brasa Viva e em mim foi lembrado que podia pedir a intercessão dos Santos, dos nossos baluartes para viver a vontade de Deus por meio do testemunho da nossa mãe, Emmir. Então pedi aos santos baluartes da nossa vocação a intercessão; e de maneira especial, à Santa Teresa, como meu temperante é muito parecido com o dela fiquei pedindo a ela que me ajudasse nesse árduo caminho de conversão.

Este caminho não foi fácil; muitas lágrimas rolaram, muitas ofertas, sacrifícios, renúncias precisavam acontecer para que continuasse nesse caminho que me leva a felicidade.

Pela intercessão de Santa Teresa, de Maria, meu anjo da guarda fui me aproximando da vontade do meu Pai que é, foi e sempre será meu Paraíso: perder a minha vida, de viver o evangelho, de viver e guardar o Carisma ao qual o meu Senhor, por amor e misericórdia me confiou, de esquecer de mim mesma, das minhas vontades, de desaparecer para que Cristo seja reconhecido e amado. Para isso estou aqui!

Sou muito grata ao meu Senhor, meu Pai que nunca desistiu de me salvar; grata ao Carisma, a Comunidade que com Amor cuidou e cuida de mim. Grata porque nada escapa ao olhar de Deus; grata porque não estou sozinha; grata porque Sua fidelidade ultrapasse minhas fraquezas, minha podridão, minhas misérias..

Obrigada Senhor, por me teres escolhido!

Sou feliz, sou Shalom para Sempre!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Queila que a alegria ver o seu testemunho. sou muinto grata a Deus pelo o seu sim. uiui hoje posso dezer q sou uma postulanti muinto Feliz. eu vou gritar por mundo ouvir q felicidade estar aqui eu encontrei o meu lugar. SHALOM.

  2. É isso aí, Queila! Muito bem. Itapipoca é grata pela sua oferta e pelo seu sim à proposta de Deus em ser uma pastora para nós. Deus te abençoe sempre mais! Shalom!