Shalom

Grupo de oração on-line: Distâncias encurtadas através do amor genuíno

Existem pessoas abertas para te acolher e quando você se sente acolhido, a distância é o menor dos problemas.

comshalom

O ano de 2020 foi muito desafiante para todos e para mim não foi diferente. Houve momentos em que achei que iria desistir de tudo, mas o apoio que tive me ajudou a perceber que as provações fazem parte da vida e que é preciso aprender a passar por elas. Esse apoio se deu a partir de um Seminário de Vida no Espírito Santo (SVES) de forma online, o Reset.

Eu, que já conhecia o Shalom por meios digitais, nunca me aproximei concretamente. Até que um dia vi um status de uma amiga e despertou em mim a curiosidade de participar. Era época de SVES, mas era online. Foi um grande desafio, pois além de não saber manusear o aplicativo em que iria acontecer, tenho dificuldade de me manter focada em tudo o que é online. Paralelo a isso, a minha rotina estava bem corrida devido ao trabalho. No entanto, me determinei a participar do evento completo e foi uma sensação incrível porque em nenhum momento parecia que estávamos longe uns dos outros, é um distante tão perto que nem sei explicar…

Após esse final de semana, iniciamos um novo tempo: grupo de oração online. Me perguntava como se daria, uma vez que não conhecia ninguém… Como iria conviver com essas pessoas, ainda mais de forma online? Mas as coisas foram fluindo e a sensação é de como se a gente estivesse no mesmo ambiente, como se essa barreira da internet não existisse… É indescritível! E eu vejo em tudo a intervenção de Deus, porque apesar de ter muita dificuldade fui aprendendo aos poucos a lidar com essa realidade. Eu nem sabia que era possível se divertir tanto e brincar tanto de forma online e isso aconteceu. E os momentos de oração, então? A forma como alcança a gente… Em nenhum momento a gente sente que está separado.

Antes da efusão do grupo de oração eu duvidei que seria possível, achei que não teria o mesmo alcance que o formato presencial porque estávamos cada um nas suas casas, mas foi um dos momentos em que mais senti a presença do Espírito Santo, senti de verdade. Deixei consumir o coração, o senti queimar… E nem parecia que estávamos distantes… Acho que isso se deve ao acolhimento, existem pessoas abertas para te acolher e quando você se sente acolhido, a distância é o menor dos problemas.

Durante esse tempo eu tenho aprendido muito e queria destacar um ponto: eu tenho aprendido a conviver com as pessoas. Por que falo disso? Porque a gente vive experiências ao longo da vida de muita competição, egoísmo e falta de compreensão e o que me deixa mais feliz no grupo de oração é que sempre vejo todo mundo disposto a ajudar o outro e ninguém nunca quer ser melhor que ninguém. Somos uma família. Me sinto amada, sei que têm pessoas que se importam, que estão de braços abertos para me acolher, e mesmo quando eu errar, aquelas pessoas vão estar lá para me ajudar a levantar, não vão me deixar fraquejar, desistir…

O elo que nos une é mais forte do que qualquer coisa. Por mais diferente que sejamos, aquele elo é Deus nos fazendo ver que todos somos Seus filhos amados e isso é uma das coisas que eu mais amo na Obra. Certa vez tive a experiência de, em um momento muito difícil, ser ouvida por alguém que rezou por mim, uma pessoa que nem me conhecia direito, mas que dispôs do seu tempo, se entregando e deixando Jesus falar através dele para mim e isso até me motivou mais a participar do grupo online. Esse acolhimento foi algo que sempre busquei e é no Shalom que eu tenho encontrado. Eu sinto que me redescobri enquanto católica, enquanto pessoa, enquanto mulher. Eu me redescobri. Eu conheci uma nova versão de mim que eu quero muito que seja espalhada pelo mundo. Eu quero que as pessoas se conheçam também como eu tenho me conhecido pelo mover do Espírito Santo.

 

Amanda Souza, membro da Obra da Comunidade Católica Shalom, Missão Petrolina


De 13 a 14 de fevereiro, acontecerá o “Alegrai-vos no Senhor”, retiro de Carnaval on-line da Comunidade Católica Shalom. Faça sua inscrição no site:  comshalom.org/alegraivosnosenhor e experimente dessa alegria que preenche e que enche a sua vida de sentido.

 


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *