Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Isso só reforça o rótulo que a comunidade Shalon tem perante o povo Católico, o rótulo de elitezinha. Aquelas Senhoras simples das comunidades, que levam a oração muito a sério está agora sendo proibida de chegar perto da elite.

  2. Acho oportunismo puro, segregação, contrassenso ao princípio ”totalmente gratuito”. Não vai dar pra lucrar tanto. Apenas será para acomodar uns incomodados da elite que eram obrigados a ficarem meio ao povão. E tem mais, se eu ver governo do estado e/ou prefeitura ajudando, duvido que desistirão dessa ideia discriminatória.