Mundo

Mais de 100 mortos em 48h por causa da seca na Somália

comshalom

As autoridades locais informaram que a maioria dos mortos é de crianças e idosos

Cento e dez pessoas morreram no sul da Somália nas últimas 48 horas em consequência da seca, anunciou o primeiro-ministro somali Hassan Ali Khaire.

Segundo ele, as vítimas também sofreram com diarreias severas provocadas pela água insalubre nas regiões do sul da Somália.

As autoridades locais acrescentaram que a maioria dos mortos é de crianças e idosos.

A Somália decretou no final de fevereiro estado de catástrofe nacional pela seca que atinge o país e ameaça a cerca de três milhões de pessoas.

A seca na Somália deixou 185.000 crianças em situação à beira da fome, e nos próximos meses espera-se que este número alcance 270.000 crianças, segundo o Unicef.

Fonte: Aleteia


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *