Shalom

Mapa Estratégico apresenta estimativa da atuação do Shalom em 2020

comshalom

PLANEJAMENTOEstimativa da atuação da Comunidade Shalom em Evangelização, Promoção Humana, Difusão da Obra, Economato, Vida Comunitária nos próximos seis anos é apresentada pelo Mapa Estratégico 2014-2020.

O documento, que foi aprovado no início do mês pelo Conselho Geral da Comunidade, orientou os trabalhos do Planejamento Estratégico do biênio realizados nos últimos dez dias e encerrados hoje, na sede do Shalom, em Aquiraz (CE).

 

Entre as Metas definidas no Mapa estão a inscrição de 10 mil peregrinos para JMJ de 2016 na Polônia e a criação de um programa de reinserção à sociedade para os Projetos Volta Israel e Jesus Meu Abrigo.

“O Mapa representa como a Comunidade estará na transição para a próxima década. Percebemos uma grande continuidade em relação aos indicadores estabelecidos nos últimos anos, porém a partir da escuta do Senhor – onde se fundamenta nosso esforço apostólico e de planejamento – novas propostas foram inseridas, principalmente a partir do documento que foi elaborado pelos membros participantes da Assembléia Geral”, explica Eric Buarque, secretário de Planejamento. Ele menciona a Assembleia Ordinária, principal órgão de discernimento do Shalom, realizada de 26 de agosto a 8 de setembro deste ano.

Vinte e cinco pessoas, entre assistentes, assessores e secretários, participaram da elaboração do Mapa. “Antigamente, como Comunidade, quando fazíamos o planejamento, tínhamos como base cinco macro objetivos. Em 2008, o Conselho Geral teve a iniciativa de detalhar um pouco mais cada um desses macro objetivos, formando um mapa estratégico pra Comunidade durante um período maior do que aquele contemplado no plano de ação dos setores. O Mapa oferece uma amostragem de como a Comunidade estará, se tudo ocorrer como planejado, no inicio de 2020”, explica o assistente geral da Comunidade, João Edson Queiroz.

Veja algumas metas de cada bloco no Mapa Estratégico:

– Evangelização: 14 missões da Comunidade alcançarem a Alma da Cidade, como fase do Plano Evangelizador. Inscrever 10 mil peregrinos para JMJ de 2016 na Polônia.

– Promoção Humana: Criar um programa de reinserção à sociedade para os Projetos Volta Israel e Jesus Meu Abrigo. Implantar até 2016 um projeto piloto para os pobres, que contemple as dimensões da fé, da cultura e do trabalho.

– Difusão da Obra: Abrir grupos de Difusão da Obra em 72 novas dioceses do Brasil (um grupo por mês) e 20 fora do Brasil.

– Lançar anualmente 20 produtos, distribuídos entre os idiomas espanhol, inglês, italiano e francês.

– Vida Comunitária: Ter 14 Missões com adoração perpétua. Aumentar anualmente em 30% o número de ingressos vocacionais. Economato: Aumentar 30% ao ano a quantidade de Benfeitores da Paz ativos. Elaborar e implantar um modelo de gestão unificado para as livrarias e lanchonetes.

 

Emanuele Sales


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *