Institucional

“Era coberta por uma sede de me aprofundar em teu amor e me envolver em sua misericórdia. O Reviver foi a fonte disso.”

comshalom

Há muito tempo eu era coberta por uma sede de buscar aquilo que Deus sonhava para minha vida. Me questionava o que Ele queria de mim, aonde Ele queria, a minha missão e a minha vocação. Era coberta por uma sede de me aprofundar em teu amor e me envolver em sua misericórdia. O Reviver foi a fonte disso. Sempre frequentei a Igreja Católica desde pequena, sempre ia nas missas com minha família. Aos poucos fui me aprofundando e me encantando pela fé, no começo de minha juventude fui me aprofundando um pouco mais, servindo a Deus ao altar, indo em retiros, a Jornada Mundial da Juventude, etc… Aos poucos essa sede e busca foi aumentando e Deus já mostrava suas respostas.

Conheci a casa da Comunidade Shalom em 2015, no Seminário de Vida no Espírito Santo para os jovens, onde Deus me curou de muitas feridas que o mundo deixou. Havia esquecido o quanto o amor de Deus é imenso a ponto de curar tudo, e nada, nenhum amor humano era capaz de superar o amor de Dele e me mostrou que nunca esqueceu dos meus ferimentos, ali tive uma experiência profunda e concreta com sua misericórdia e com isso Ele trazia muito mais do que eu pedia, um mar a mergulhar. Tive medo, e não fiz o que Ele me queria, fugi daquilo que tanto buscava, a Tua vontade, Ele me deu tempo, e esperou a minha resposta, sabia exatamente o que iria acontecer, coisa que nunca tinha imaginado. No começo do ano de 2016 a sede tinha voltado novamente, e sentia saudade de tudo aquilo que vivi na Comunidade, e pensava como estou sentindo uma falta do Shalom, através de um amigo hoje membro da Comunidade, Deus fez com que eu voltasse, me chamando para o Reviver, ele insistia, e nunca dava, até que no último dia consegui. Deus e suas surpresas, no momento da adoração senti uma mão em meu ombro, uma pessoa estava rezando por mim, e era a mesma que Deus disse através dela a me aproximar mais Dele um ano atrás. E mais uma vez me pedia para mergulhar em Teu amor, e ir sem medo. No momento da efusão Deus pedia mais e mais ir sem medo. E aquela experiência foi inesquecível. Passou dali, não estava planejando ir no reencontro, e do nada vi uma amiga que frequentava a Comunidade há um tempo, conversamos e planejei ir com ela. E mais uma vez Deus falava para eu não ter medo, uma alegria imensa me invadiu, e quando estava indo embora o pastor do grupo de oração que eu ia ficar no ano passado me disse: não tenha medo de se aprofundar em Deus. E me decidi que iria pelo menos quando desse, quando fui ver ia sempre, todo final de semana, e aos poucos fui percebendo que estava realizando a Sua Vontade, vendo que preciso ofertar a minha vida aos homens, e descobrindo que a minha missão, a resposta que tanto buscava era dar alegria aos jovens, algo que mora dentro de mim Jesus Cristo único bem que pode saciar plenamente. Hoje não quero me distanciar de mais nada Dele. Vi que buscava tanto que achava que encontrava nas coisas e pessoas, aquilo que só Ele podia me dar e realizar.

Mariana Fialho dos Santos, 18 anos, jovem da Obra da Missão de Santo André.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *