Sem Categoria

Pude perceber que o Shalom é o meu lugar no CJS 2019

Eu rezei, chorei, louvei, dancei, pulei, gritei e principalmente eu ouvi.  Ouvi tudo aquilo que Deus queria falar para mim.

comshalom

Me chamo Maria Mariana, tenho 24 anos, sou vocacionada da Comunidade Católica Shalom na missão Recife e vou tentar achar as palavras para descrever sobre o final de semana incrível que vivi.

Esse foi o segundo Congresso de Jovens Shalom (CJS) que participei. Fui ano passado para o congresso em São Paulo para entender e ver um pouco da juventude da Comunidade e foi muito bom, mas não vivi tão bem quanto o CJS deste ano.

A primeira impressão que eu tive assim que eu entrei no Centro de Formação Olímpica do Nordeste (CFO), local do evento, e olhei para aquele tanto de gente lá, eu pensei: meu Deus como nossa juventude é viva e esperançosa. Fiquei me perguntando o que tantos fizeram para estar ali e quantos outros mais queriam estar ali também.

Entendi que eu deveria aproveitar por mim e pelos outros, a oportunidade de estar com os meus irmãos, de reencontrar os meus irmãos e fazer novos irmãos. A sensação era de estar em casa, em família, e realmente eu estava.

Eu resolvi ir ao congresso esse ano para reviver aquilo que tinha vivido no ano passado e depois entendi que fui viver o CJS de fato. Esse ano vivi intensamente tudo, eu rezei, chorei, louvei, dancei, pulei, gritei e principalmente eu ouvi.  Ouvi tudo aquilo que Deus queria falar para mim, tudo aquilo que Ele queria fazer na minha vida e foi muito forte e marcante para mim ouvir concretamente a Deus.

Foi necessário chegar em Fortaleza para conhecer mais a Comunidade, ir na  Diaconia, no Shalom da Paz, onde tudo começou, visitar a Igreja do Ressuscitado que passou pela Cruz, conhecer outros irmãos de outras cidades de outros países e,  juntamente com os irmãos da minha missão, pude viver cada momento e, o principal, no CJS pude perceber que o Shalom é o meu lugar.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado.