Formação

O papel espiritual dos avós

São nas orações constantes e nos rosários diários dos avós que muitas crianças e jovens permanecem na Igreja. Embora o protagonismo e grande missão da criação dos filhos seja dos pais, é útil que se possa contar com os exemplos dos avós.

comshalom

Hoje celebramos com alegria a memória dos pais de Nossa Senhora: São Joaquim e Sant’Ana. Conta a Tradição da Igreja que o casal era estéril, mas, já com idade avançada, tiveram a graça de receber uma filha, aquela que viria a ser a Mãe do Salvador. Por serem os avós de Jesus, neste dia 26 também celebramos o Dia dos Avós.

Santa Ana, em particular, teve a graça de, não somente conceber em sua velhice e esterilidade, mas carregar em seu ventre o milagre da imaculada conceição de Maria. Sant’Ana e São Joaquim foram agraciados com a belíssima missão de alimentar, educar e cuidar da, desde sempre obediente, Maria; não eram um casal qualquer, ou não teriam sido presenteados com a Mãe de Deus.

Lembrados também como os avós de Jesus, podemos imaginar quão doce e santo era o convívio daquela família. Isto nos faz refletir sobre o papel dos avós na vida dos netos, sua importância espiritual que tem sido esquecida.

Era comum, há alguns anos, nos depararmos com um altar cheio de imagens ao chegarmos na casa de nossos avós. Geralmente havia uma bíblia aberta em cima da estante, mesmo que os donos não soubessem ler. Entre uma história e outra, os velhinhos nos davam testemunho de uma vida de fé. Nossas avós nos arrastavam para a Igreja, nos ensinavam a rezar. Nossos avôs eram o próprio retrato de São José – ou São Joaquim – homens fortes e trabalhadores, nos ensinavam a honra.

Não se pode negar a importância dos avós na formação dos netos, tanto moral quanto, principalmente, espiritual. São nas orações constantes, nos rosários diários dos avós que muitas crianças e jovens permanecem na Igreja. Embora o protagonismo e grande missão da criação dos filhos seja dos pais, é útil que se possa contar com os exemplos dos avós.

Por isso, precisamos cuidar dessas pessoas tão importantes para nós, bem como estar atento aos seus conselhos e ensinamentos. Na combinação de fé, experiência e sabedoria, muitos avós foram responsáveis pelo sustento de uma família inteira. Devemos valorizá-los e rezar por eles sempre, sendo também sustento quando precisarem.

Que, pela intercessão de Sant’Ana e São Joaquim, o Senhor guarde e proteja todos os avós!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *