Institucional

Retlazer: Deus me despertou novamente pra vida

comshalom

IMG-20150221-WA0025Sou Bruna Correia de Carvalho, tenho 21 anos, nasci em Balsas, sul do Maranhão, e pertenço a uma família historicamente católica. Fui batizada na Igreja Católica ainda criança, na qual vivenciei a fé, na companhia de meus pais e de dois irmãos, até os 11 anos. Cresci dentro de uma comunidade do bairro em que morávamos, até o dia que dali nos mudamos.

O tempo foi passando e já não frequentávamos como antes o grupo, raramente íamos às missas. Hoje, percebo o porquê de tantos muros que vem caindo em nossas vidas, a ausência de Deus em nossa casa é constante. Mudanças foram movimentando nossos caminhos. Ao completar 16 anos, fui incumbida de seguir meus irmãos, em busca de um sonho antes distante.

Os problemas apenas aumentavam, em todos os âmbitos, porém o que nunca havia passado em minha mente era o porquê de tudo aquilo que nos rodeava, afinal meus pais haviam ajudado por tanto tempo a igreja. Por conta disso, minha revolta com Deus apenas crescia.

Após cinco anos morando fora de casa, retornei por um motivo que nunca havia entendido. Diagnosticaram-me em um estágio depressivo alto de mais para minha idade. A explicação e os porquês disso tudo eram com que se importavam em me questionar, afinal eu tinha tudo que alguém da minha idade desejava. Em um estado de revolta com Deus, voltar a um lugar que eu não queria era o que mais me magoava.

Foi então que conheci a Comunidade Shalom em Balsas, meu grande e inesquecível presente. Uma amiga de infância, que se fez presente na minha vida novamente, em uma tarde de sábado me levou a participar de um dos grupos. Eu achava que seria apenas mais uma tentativa de sair do buraco em que eu me via, mas foi onde Deus começou a me surpreender. Era um local agradável em que conheci pessoas novas. A cada grupo, sentia coisas que não imaginava sequer existir.

Depois de dois meses frequentando o grupo, a angústia de voltar pra lutar pelo meu sonho não me deixava em paz, entendia que apenas lá eu poderia conseguir. Deus enviou, então, de uma forma muito diferente, alguém que hoje se faz essencial em minha vida. Em poucos momentos, convenceu-me a aceitar o desejo de Deus e aqui ficar, mesmo sem compreender nada, deixar a lógica de Deus agir e não a minha.

O tempo foi passando, grandes convivências com Deus fui passando e a cada dia entendendo um pouco mais do propósito Dele na minha vida… E chegou o dia do Retlazer, acampamento em que fui gratificada com a presença vital de Deus. Apesar de saber que seria muito bom, barreiras apareciam para que eu não fosse, mais Deus me impulsionou e eu fui.

A experiência do Retlazer em poucas palavras posso resumir: foi ÚNICA e PERFEITA. Aquele meu primeiro acampamento foi simplesmente um choque que me levou diretamente para a realidade de Deus, que sem dúvidas é a mais perfeita. Estive ali em uma companhia que eu não podia ver fisicamente mais que eu sentia.  Cada oração que fazíamos, cada palavra explorada pelos membros da Comunidade, eu sentia que eram mensagens de Deus para mim e, assim, muitos dos questionamentos que se faziam presentes em minha vida iam se desmanchando. Surgia, então, uma vergonha, vergonha de o quanto eu tinha sido injusta com Deus, de como eu podia ter duvidado um dia que Ele me amava e pensado que tinha me esquecido, como pude achar que um dia Ele quis o meu mal.

Hoje posso dizer, sem dúvidas, que já não sou a mesma Bruna de antes, e que sequer sinto saudades da que ficou para trás. Hoje eu sinto o amor de Deus na minha vida a cada coisa que faço ou deixo de fazer. Deus, naquele encontro, plantou em meu coração o seu poder de compreensão, algo que eu não tinha em mim, pois as coisas aconteciam em minha vida e eu apenas sabia reclamar e culpar a Deus.

Inesquecíveis foram aqueles momentos de adoração e conversa com Deus, na qual eu sentia como se Ele fosse o meu amigo que fisicamente estava ali do meu lado e com quem eu estava batendo um papo sobre minha vida. Ao sentir Deus assim tão presente e tão perto, depois de tanto tempo, só me restou chorar e ver quantas saudades eu sentia Dele, mesmo sem enxergar. Tantas coisas eu poderia ter evitado se os joelhos estivessem dobrados e se eu tivesse clamado por Ele…

Estar na presença de Deus e na companhia de jovens especiais, muitos deles eu sequer conhecia, foi um presente que nunca saberei como agradecer a Deus. O Retlazer, como diz a galera da Comunidade, FOI O MEU RETLAZER! Foi o momento em que Deus me despertou novamente pra vida e me mostrou que nem tudo vai ser como eu desejo ou planejo, mas sim como Ele deseja, e que eu posso confiar que sem dúvidas Ele tem o melhor pra mim. Deus me mostrou o quanto Ele me ama, e isso me fascina cada vez mais. Ele despertou em mim um desejo de a cada dia segui-Lo e amá-Lo mais e mais!


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado.