Formação

Psicóloga dá 5 dicas para que você possa organizar bem a sua rotina na quarentena

Psicóloga dá 5 dicas para que você possa organizar bem a sua rotina na quarentena
Foto: Unsplash

No mundo inteiro, a pandemia do novo coronavírus e o isolamento social mudaram a rotina das pessoas. Em poucas semanas, milhões de trabalhadores começaram a se deparar com uma nova realidade: não sair de casa. Concluímos, mais do que nunca, que a organização dos nossos horários é muito necessária. Mas será que depois de todo este período você consegue notar qual foi a maior mudança na sua rotina?

É nesse cenário que muita gente ainda se vê perdida. Como administrar tanto tempo dentro casa? A psicóloga Camila Pontes Anselmo dá 5 dicas valiosas de como aproveitar bem o tempo de isolamento social mudando o olhar sob a situação.

________________________

Confira as dicas, abaixo.

1 – Perceber o tempo de isolamento social como uma oportunidade única.
Segundo a psicóloga é essencial enxergar este tempo de quarentena como uma oportunidade única, e não deixar passar um tempo tão valioso como este, organizar-se é o segredo.

Nós ganhamos algo raro: o tempo. Muitas vezes nós falamos que não temos tempo, e vamos vivendo um ‘frenesi’, uma rotina louca, em que não paramos. Não tínhamos tempo para refletir sobre muitos aspectos da nossa vida, que ficavam em segundo plano, pois não tínhamos tempo. Estávamos correndo a todo instante, fazíamos duas, ou três coisas ao mesmo tempo, e no final, estávamos esgotados, cansados.

2 –  Praticar o esvaziamento.
De acordo com Camila, outro ponto interessante é utilizar este tempo de recolhimento para viver um esvaziamento, olhando para o essencial, para aquilo que realmente importa.

Muitas vezes, para reaprender, recriar, precisamos nos esvaziar dos nossos excessos.Hoje, Deus nos dá essa graça, de pararmos, refletirmos como estamos vivendo para assim, recomeçar com a graça dele, conduzidos pelo amor dele. Precisamos olhar para essa situação com esperança.

Aprofundando o tema do esvaziamento, ela recorda o livro Gênesis, que na Bíblia narra a criação do mundo. “Deus teve uma rotina para aquele momento, Ele deu início a tudo, partindo do nada. Tenho a certeza que Deus hoje quer nos esvaziar, para nos dar uma nova rotina, uma nova luz”, cita.

3 – Ter uma vida de oração: Aumentar o silêncio interior e favorecer a contemplação.
Ficando mais tempo em casa, a quarentena também nos proporciona organizar mais tempo para oração, pontua.

Podemos acrescentar em nosso dia o momento de oração e escuta da voz de Deus, e deixar Ele nos modelar, nos formar, nos conduzir nesse tempo. Fazer o nosso estudo bíblico, participar da missa, dos terços. Chamar um amigo pra rezar.

4 – Aproveitar o tempo com a família.

Para quem está em casa, surge também a possibilidade de aproveitar mais a família, também por meio de brincadeiras, dinâmicas. E pra quem está longe, também é tempo de não descuidar desses laços, relembra a psicóloga.

Podemos organizar uma exposição de arte com fotos antigas. Uma linha do tempo. Você pode amarrar um barbante e colocar as fotos e ir relembrando momentos marcantes da família. Podemos chamar a família, os irmãos, até mesmo pela tela do celular, chamar um amigo para jogar.

5 – Se abrir às novas possibilidades.

Por fim, Camila Anselmo aconselha a buscar realizar novas tarefas, se abrir às novas possibilidades e horizontes que podem aparecer neste tempo. Segundo ela, neste tempo, podemos fazer algo que nunca fizemos.

Um curso novo, a internet está cheia deles. Arrumar suas coisas, fazer uma faxina, se livrar dos excessos. Pensar novos projetos. Se tornar um chef criativo, com aquilo que você tem no armário, na geladeira. Assistir um filme de gênero diferente daqueles que você estava acostumado. Escrever sobre o filme, fazer uma crítica, pensar até como você escreveria aquele enredo.

É um momento propício para a arte. Use a criatividade, se utilize da música. Aprenda um instrumento, na internet tem aulas grátis. Escolha livros. Leia um texto por dia. Escreva um poema, uma música, um espetáculo. Ou fale sobre a sua vida. Sobre seus sentimentos, mas ouse escrever e veja o quanto você pode aprender.

Faça algum exercício físico. A mim, faz um grande bem, me conecta comigo, com minhas ideias, até com meus limites. E busco a cada dia ir superando, esse é o segredo, continuar, apesar do cansaço. A atividade física ajuda na saúde do corpo e da mente também, libera adrenalina, a alegria, da leveza ao corpo e a mente.

Aldemir Neto | Missionário da Comunidade Católica Shalom

 

VEJA TAMBÉM

Quarentena é tempo de se redescobrir como família

A importância do tempo

Aposentei! O que fazer com tanto tempo livre


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *