Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Me sinto ferida, traída, magoada.
    Uma dor enorme me invade quando penso na minha mãe e nos meus irmãos.
    Me abandonaram quando eu mais precisei…..

    1. Depois de um casamento que começou errado, e passados 47 anos. A nossa convivência está cada vez mais insuportável. Quando vejo meu marido rezando o terço, sinto muita raiva. Pois ele não põe em prática suas orações, vejo como uma pessoa mesquinha e hipócrita. Está uma convivência em que estou ficando doente. O que fazer?

      1. Olá, Theresinha, Shalom!
        A conversão de alguém é um processo. Não conheço seu marido, mas se ele reza o terço, de alguma forma ele está buscando se converter, porém ainda não consegue. Talvez seja interessante que você reze por ele e peça a Deus que tire este olhar que você tem dele e também que o Senhor o converta. Talvez exista em você mágoas que precisam ser curadas.

        Shalom, em intercessão por vocês!