Institucional

Reality Show Interior

 

Nos dias atuais, é fácil deparar-se com programas de televisão que mostram a figura humana como um objeto, algo manipulável, alguém em busca de um prêmio ou da fama. Enfim, exibe-se o lado ganancioso do homem.

Não é difícil encontrar programas nos quais as pessoas convivem isoladas dos acontecimentos e são espionadas 24 horas por dia, mostrando ao mundo toda a sua intimidade, sua vida social, seus aspectos psicológicos, além de outras características que compõem o ser humano.

Refletindo sobre esse assunto: um reality é um encontro de pessoas diversificadas, desconhecidas, que buscam uma convivência “amigável” e competitiva. No entanto, caso fosse instalada, em cada cômodo da sua casa, uma câmera, o que as pessoas veriam sobre a realidade da sua família? Será que todas as situações vivenciadas por vocês fizeram da sua família um plano arquitetado e executado por Deus ou, ao longo da trajetória, vocês foram se distanciando d’Ele, tornando-se membros desconhecidos?

Ampliando mais a situação, imagine que fosse possível instalar em você uma câmera interior, por meio da qual sua personalidade, seus pensamentos e seus sonhos fossem revelados para o mundo. Será que, realmente, você seria belo (a) como um cristal aos olhos dos outros ou possuiria apenas uma beleza superficial e frágil interiormente?

Vivemos num tempo em que o mundo nos apresenta situações diversas, por isso é preciso refletir de forma individual sobre elas. Um dos breves textos de Bento XVI que mais me encanta é o da contracapa do YOUCAT, no qual ele nos pede para estudarmos o Catecismo, a fim de nos capacitarmos e nos encorajarmos para os desafios deste mundo.

Cabe a nós filmar o nosso interior, 24 horas por dia, e, diante das imagens, termos a mesma atitude que tivemos com os programas de televisão: comentar, criticar, propor soluções. Proponha a si mesmo uma revisão profunda do seu interior e relacione-se  com a sua família. Acredite, tudo ao seu redor mudará quando você se tornar o diferencial.

Que a alegria da juventude seja o combustível para a sua constância na fé.

Fonte: Destrave


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *