Notícias

Relatos de uma vocação: Mãe do Papa Francisco não queria que ele fosse padre

Para ela tudo foi muito rápido.

A história vocacional de cada pessoa é única e irrepetível. Sempre acompanhada de alegrias e desafios. O chamado do Papa Francisco também traz essas nuances. Ele revelou no livro O Papa Francisco – Conversas com Jorge Bergoglio (Verus editora), que sua mãe, Regina Maria, não aceitou durante anos sua decisão de ser padre.

Francisco sentiu o chamado ao sacerdócio aos 17 anos de idade, de forma inesperada, após uma confissão. Conta no mesmo livro que foi uma confissão que acendeu a sua fé. Aquele chamado, o então jovem Jorge Mario, guardou consigo. Somente 4 anos depois deu entrada no Seminário.

Conhecendo bem os pais que tinha, disse primeiro ao pai sobre a sua intenção de ser padre. Foi bem acolhido e incentivado. Já a mãe, embora religiosa, parecia não acreditar muito em seu chamado. Não sei, não o vejo padre… vai ter que esperar um pouco, você é o mais velho, continue trabalhando. Vá acabar faculdade, foram suas palavras, relembra o Papa.

7 anos de Pontificado: Confira frases que marcaram os primeiros dias do Papa Francisco

Na ida para o Seminário, Sua Santidade rememora que a mãe não o quis acompanhar. Não estávamos brigados, só que eu ia para casa, mas ela não ia ao seminário. Quando finalmente aceitou, impôs certa distância, disse. Francisco avalia, passados tantos anos, que para sua mãe tudo havia acontecido rápido demais. Mas na ordenação, dona Regina estava lá, de joelhos pedindo a benção do Filho, que quarenta e quatro anos depois se tornaria papa.

 

Leia também

Júbilo: Papa Francisco conduz primeira Audiência Geral pública desde o início da pandemia


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *