Formação

Sagrado Coração de Jesus

comshalom

A chamada Grande Revelação foi feita a Margarida Mariadurante a oitava da festa do Corpus Domini de 1675. Mostrando o seu Coraçãodivino, Jesus confiou à Santa:

 Eis o Coração que tanto amou os homens, que nada poupou, atése esgotar e se consumir para lhes testemunhar seu amor. Como reconhecimento,não recebo da maior parte deles senão ingratidões, pelas suas irreverências,sacrilégios, e pela tibieza e desprezo que têm para comigo na Eucaristia.Entretanto, o que Me é mais sensível é que há corações consagrados que agemassim. Por isto te peço que a primeira sexta-feira após a oitava do SantíssimoSacramento seja dedicada a uma festa particular para honrar Meu Coração, comungando neste dia, e Oreparando pelos insultos que recebeu durante o tempo em que foi exposto sobreos altares”.

 “Prometo-te que Meu Coração se dilatará para derramar osinfluxos de Seu amor divino sobre aqueles que Lhe prestarem esta honra”.

 Jesus apareceu-lhe numerosas vezes de 1673 até 1675. Dosseus colóquios com Nosso Senhor distinguem-se classicamente 12 promessas. Eisalguns extratos da Mensagem do Sagrado Coração de Jesus a Santa MargaridaMaria. (10)

 “Os fiéis acharão, pelo intermédio desta devoção amável,todos os socorros necessários ao seu estado, ou seja, a paz nas suas família, oalívio nos seus trabalhos, as bênçãos do Céu em todas as suas empresas, aconsolação nas suas misérias, e é propriamente neste sagrado Coração quealcançarão um lugar de refúgio durante toda a vida e principalmente na hora dasua morte”.

 “O Meu divino Salvador fez-me compreender que aqueles quetrabalham pela salvação das almas encontrarão a arte de comover os coraçõesmais empedernidos e trabalharão com um êxito maravilhoso se eles mesmosestiverem penetrados de uma terna devoção ao divino Coração”.

 “Asseverando-Me que Ele recebia um contentamento singular emser honrado sob a figura deste Coração de carne, cuja imagem desejava fosseexibida em público, com a finalidade –acrescentou– de tocar por seu intermédioo coração insensível dos homens; prometendo-me que derramaria em abundânciatodos os dons que possui em plenitude sobre todos aqueles que O honrassem; eque em todo lugar em que esta imagem fosse ostentada para ser objeto deespecial honra ela atrairia toda sorte de bênçãos”.

 “Sinto-me totalmente imersa neste divino Coração; (…)estou como num abismo sem fundo onde Ele me revela os tesouros de amor e degraça que concede às pessoas que se consagram e sacrificam para lhe render ealcançar toda a honra, amor e glória de que são capazes”.

 “Confirmou-me o contentamento que recebe em ser amado,conhecido e venerado pelas suas criaturas e tão grande que prometeu-me quetodos aqueles que Lhe sejam devotados e consagrados não morrerão jamais”.

 “Numa sexta-feira, durante a Sagrada Comunhão, disse estaspalavras à sua indigna escrava: “Prometo-te, na excessiva misericórdia do meuCoração, que o seu amor onipotente obterá a todos aqueles que comunguem noveprimeiras sextas-feiras do mês seguidas a graça da penitência final, que nãomorrerão na minha desgraça, sem receber os seus sacramentos e que o Meu divinoCoração será o seu refúgio assegurado no último momento”. “Nada temas, Eureinarei apesar dos meus inimigos e de todos aqueles que procurarão opor-se”.

 “Este amável Coração reinará, apesar de Satanás. Isto mearrebata de alegria.” “Afinal reinará, este amável Coração, apesar de todos osque se quererão opor. Satã e todos os seus seguidores serão confundidos”.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *