Notícias

Jovens, crianças e casais partilham como viveram o Retiro de Semana Santa

Dentre as graças testemunhadas por eles, estão a vivência do lava-pés em família e a participação de todos da casa nas atividades, incluindo as crianças que, através de material direcionado a elas produzido pelo Projeto Criança Shalom, viveram esta semana especial com conteúdo e significados acessíveis à linguagem delas.

Em unidade com toda a Igreja Católica, os membros da Comunidade Católica Shalom de Itapipoca, viveram a Semana Santa em casa por meio da TV, do computador ou do celular, o que possibilitou muitas graças em meio a este desafio atual. As pregações, celebrações e algumas missas foram acompanhadas pelo Canal do YouTube da Comunidade Shalom, já a missa da Santa Ceia do Senhor e o ato litúrgico da Sexta-feira da Paixão, foram acompanhadas na página das paróquias e da diocese.

Dentre as graças testemunhadas por eles, estão a vivência do lava-pés em família e a participação de todos da casa nas atividades, incluindo as crianças que, através de material direcionado a elas produzido pelo Projeto Criança Shalom, viveram esta semana especial com conteúdo e significados acessíveis à linguagem delas. Disponibilizamos a seguir alguns dos testemunhos deste diverso público que participou em suas casas da Semana Santa.

As famílias

Famílias todas organizaram suas casas, algumas incluindo até mesmo os filhos na dinâmica da decoração litúrgica da igreja doméstica para viver o mistério de cada dia. Como é o caso da Karla Soares que, ao viver a semana santa deste ano, teve uma experiência diferente e única ao viver tudo com sei esposo e filhos. Ela contou a este Portal sua experiência com a hora do lava-pés, segundo ela o momento mais marcante.

“Quando lavávamos os pés uns dos outros, pude tocar e experimentar a graça de abaixar-se e servir o outro , falamos para nossos filhos o quanto aquele momento era importante. A nossa filha mais velha, Sarah, falava que Jesus tinha feito aquilo com seus discípulos, e falava na hora da Santa Ceia as palavras que Jesus dizia ao instituir a eucaristia. Um momento que foi, de fato, uma grande graça para nossa família, onde, na simplicidade, com os nossos filhos, vivemos esse momento.”

As crianças

Dentro das famílias, temos também as crianças que ganharam destaque na vivência e aprendizagem do mistério da Semana Santa. João Antônio, tem 9 anos, participa do grupo de oração do Projeto Criança no Shalom de Itapipoca e que fez parte de tudo junto com seus pais e seus dois irmãos.

João disse a este Portal que, até ano passado, não sabia o que era viver uma Semana Santa, sabia apenas do fato que Jesus morreu na cruz para nos salvar. Este ano, ele descobriu que, nesta Semana, Jesus viveu tudo e aproveitou seus últimos dias com seus amigos e familiares, lavou os pés dos seus amigos, foi à casa do seu melhor amigo, Lázaro, e rezou.

“Vivi a semana santa como Jesus viveu. Rezei muito, estudei a bíblia, assisti a missa no ComShalom, entendi tudo que o padre falava na homilia, fiz a via sacra com minha família, fizemos o Beraká, rezei o terço sozinho, ajudei minha mãe na decoração litúrgica destes dias, desenhando o pão e o vinho, como também Jesus na Cruz.

Mas, o que mais me tocou foi na noite do Lava-pés, estava muito arrependido de tudo que fiz de errado, e com muita pena de Jesus porque ele sabia que estava perto de morrer na cruz, por amor a mim”, testemunhou o João Antônio, filho de Karine e Ronney, membros da Comunidade de Aliança Shalom.

Os jovens

A jovem, Tainara Silva, partilhou que viveu e contemplou os mistérios de Deus nestes dias de Semana Santa, onde contemplou a vida e a morte de cristo, as suas dores, seu sacrifício por amor à humanidade. Como também a alegria de proclamar que Cristo Verdadeiramente Ressuscitou e poder celebrar em família a Páscoa do Senhor.

“Para mim, esta foi a melhor semana santa, pois estava com os meus, consegui levar o verdadeiro significado da vida de Cristo para eles, diante dessa quarentena, onde Deus se mostrou de corpo e alma. Vi Deus agindo na vida da minha mãe, onde aos poucos ela foi vivendo tudo. Quando eu rezava, Deus falava da salvação dela através da minha vida”, disse a vocacionada da Comunidade Shalom em Itapipoca.

Confira também

Testemunho: É em tua casa que celebrarei a Páscoa

Por Matheus Araújo


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *