Formação

Tempos e contratempos

comshalom

Nos momentos mais inesperados acontecemas surpresas mais agradáveis e também as mais desagradáveis. Começofalando das mais agradáveis como, por exemplo, as visitas de parentesou amigos, vindos de longe para celebrar o Natal e a passagem para onovo ano. Surpresas agradáveis foram os presentes desejados quechegaram na hora certa. Surpresas agradáveis foram os encontros compessoas pedindo perdão, reconciliando com o passado amargo dosdesencontros. Quantos belos momentos vividos nestes tempos de festa ecelebração.

Também não faltaram surpresasdesagradáveis como, por exemplo, os assaltos à luz do sol nasresidências durante o período de viagem. Surpresas desagradáveis aoreceber a notícia da morte de um ente querido em acidentes inesperados.Surpresas desagradáveis como a prisão no fim de tarde, por ter abatidoalgumas pombinhas no roçado. Surpresas desagradáveis como a perda doemprego ou a transferência para outro serviço. Nestes dias as surpresascom as chuvas torrenciais, perdendo vidas e os bens materiais.  Enfim avida é marcada por  momentos  para os quais,  nem sempre, estamospreparados.

O importante é que aconteça o queacontecer, nunca perder a o equilíbrio emocional. Diante de qualquersituação da vida, a calma, o raciocínio, a paciência são companheirasinseparáveis para saber tomar decisões e encarar os fatos comtranquilidade. Estando de férias, vivendo ritmos de total descontração,as surpresas, principalmente as desagradáveis, não podem tirar a pazinterior. É claro que ninguém tem “sangue de barata” como dizem; onervosismo e o desespero são as conseqüências mais sentidas nestesmomentos. Mais do que tudo, se faz necessário, um pulo na fé em Deusque tudo sabe e tudo domina.

O dom e a capacidade de acreditar nosobrenatural,  se faz valer principalmente nestes momentos dassurpresas desagradáveis.  Sejam elas pequenas ou grandes, em tudo somosalimentados pela vivência da fé  que carregamos desde a nossa tenraidade. Não se trata só de superação por capacidade pessoal, ou até porum otimismo eufórico que leva ao conformismo, do “deixa pra lá”. Sempree em tudo, encarar de frente sem medo e sem desespero, conscientes deque, em tudo, está a mão de Deus.

Como lemos na Sagrada Escritura: “MeuFilho, se você se apresenta para servir ao Senhor, prepare-se para aprovação. Tenha coração reto, seja constante e não se desvie no tempoda adversidade. Aceite tudo o que lhe acontecer, e seja paciente nassituações dolorosas. Confie no Senhor, e ele o ajudará; seja reto o seucaminho, e espere no Senhor”(Ecle 2,1-6).

Nos tempos e contratempos da vida, facatudo como se tudo dependesse de você, mas não esqueça:  “Coloque-se nasmãos do Senhor, e não nas mãos dos homens, pois a misericórdia dele écomo a sua grandeza” (Ecle. 2,18).

Dom Anuar Battisti
Arcebispo de Maringá


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *