Mundo

Terremoto no México danifica 30 igrejas

A Arquidiocese de Puebla informou que 30 igrejas foram danificadas depois do terremoto de magnitude 7,1 que atingiu o México e provocou a morte de cerca de 200 pessoas na terça-feira, 19 de setembro.

Além disso, a Igreja local fez um apelo à calma e lamentou a morte de 8 pessoas devido ao desabamento do templo em Atzala, Chietla, e 3 em Jolalpan. Segundo o último relatório da Caritas Internacional, morreram 43 pessoas em Puebla.

“Ante a crise que existe em nosso estado devido ao terremoto que sofremos hoje, fazemos um apelo a nos mantermos calmos, a estarmos atentos às indicações das autoridades, sermos solidários com aqueles que mais necessitam e não arriscarmos a nossa vida e a dos outros desnecessariamente”, indica o comunicado em 19 de setembro.

Em seguida, a Arquidiocese pediu que Deus tenha misericórdia dos falecidos e de todas as vítimas, e manifestou a sua proximidade aos familiares.

Em relação aos relatórios de danos nos templos e nas paróquias, informaram que as autoridades de proteção civil realizarão as revisões técnicas no momento adequado.

“Pedimos a compreensão de todos, caso o templo que vocês frequentem não esteja aberto, pois aguardamos a opinião das autoridades relevantes”, assinalou o comunicado.

Na capital de Puebla:

1. São Sebastião
2. La Compañia
3. Templo do Carmo
4. Ermida de Ocotlán
5. Nossa Senhora de Ocotlán
6. Capela de Corpus Christie em Satélite Magisterial
7. Templo de São Jerônimo
8. La Concórdia
9. São João de Latrão
10. São Felipe Hueyotiplan
11. A Puríssima Conceição
12. São Francisco de Assis
13. Casa da Família São João Paulo II

Em Cholula:

1. Paróquia de São Pedro
2. Paróquia de Nossa Senhora dos Remédios

Em Amozoc:

1. Templo Paroquial
2. Templo de Luis Guanela

Em Atlixco:

1. Paróquia da Natividade
2. O Convento
3. Metepec
4. Puríssima Conceição

Em Izúcar de Matamoros:

1. Paróquia de São Domingos

Em Chietla:

1. Templo de Atzala
2. Templo de Pilcaya
3. Santa Ana Coatepec
4. Templo Jolalpan
5. Templo de Tepeojuma
6. Templo Ixcamilpa
7. Templo de Santa Cohetzala
8. Paróquia de Ahuatepec

Para ajudar as vítimas em Puebla, tanto à Caritas quanto ao Banco de Alimentos Caritas de Puebla distribuirão alimentos, artigos de higiene pessoal e fraldas.

Vaticano envia 150 mil dólares

A Santa Sé enviará 150 mil dólares de ajuda à população do México afetada pelo terremoto que, na terça-feira, 19 de setembro, devastou a capital e várias regiões do centro do país.

De acordo com um comunicado emitido pela Sala de Imprensa do Vaticano, o Papa Francisco autorizou o envio do dinheiro, mediante o Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, para cobrir as necessidades das vítimas desta catástrofe que, até o momento, provocou a morte de 250 pessoas.

A ajuda será distribuída através da Nunciatura Apostólica entre Dioceses mais afetadas pelo terremoto, e será dedicada a obras de assistência às vítimas do terremoto como expressão imediata do sentimento de proximidade espiritual e encorajamento paterno para as pessoas e territórios afetados.

Esta ajuda econômica, acompanhada da oração dirigida à Virgem de Guadalupe, padroeira do México, é uma parte das ajudas à amada população mexicana que estão sendo ativadas em toda a Igreja católica e que envolvem, além de várias Conferências episcopais, diversas organizações de caridade.

Na mensagem pronunciada após a Audiência Geral da quarta-feira, 20 de setembro, o Papa Francisco mostrou sua proximidade e solidariedade às vítimas do terremoto de magnitude 7,1.

“Neste momento de dor, quero manifestar a minha solidariedade e oração a toda querida população mexicana”, assinalou o Santo Padre. “Elevemos todos juntos a nossa oração a Deus para que acolha em seu seio os que perderam a vida, conforte os feridos, seus familiares e todos os afetados”.

Acidigital


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *