Sem Categoria

Traz de volta a ovelha ao redil, que não é cela, mas é amor e cuidado.

comshalom

0101

Na noite da sexta-feira, O Projeto Artes de Fortaleza encenou a parábola do Bom Pastor que não mede esforços para ir atrás da ovelha que se perdeu.

Segundo a bailarina Aline Monteiro: “é sempre uma experiência nova participar dos musicais no Halleluya. Em especial esse do Bom Pastor foi desafiante por conta de ter que usar mais a dramaturgia do que as técnicas da dança.

Essa apresentação exigiu de nós, além da música, a dramaturgia, uma boa expressão corporal com movimentos orgânicos para que as pessoas fossem tocadas pelo gestual. Neide OliveiraNosso intuito foi levar o público a perceber através do corpo que o Bom Pastor cuida e traz de volta a ovelha ao redil, que não é cela, mas é amor e cuidado.

Neide Oliveira


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *