Institucional

Vocalista dos Gonzagas se confessa antes de show em João Pessoa: “agora vou passar São João reabastecido

Os Gonzagas, banda nativa da Paraíba e querida pelo Brasil todo, era a principal atração da noite dessa sexta (16) e subia aos palcos do “Arraiá da Paz”, às 22h. Felipe Alcântara, o vocalista, chegou antes do resto da formação e foi fazer algo inesperado para o momento: se confessar!

“Quando eu cheguei vi que estava tendo oração e aconselhamento, então perguntei se tinha sacerdote para eu me confessar. Conseguiram um sacerdote. Não foi nada combinado” , explica Felipe.

O cantor relata que nessa época junina, onde a agenda com a banda não para, ele tem que se virar para cumprir o que define como “vocação primeira”: a santidade.

“Por mais que eu erre… seja fraco… que eu vá tropeçar… quando eu tenho a oportunidade de usufruir do sacramento que Deus nos deu: a confissão… acredito quanto mais eu fizer isso, mais próximo de Deus eu vou ficar”, disse Felipe.

A conversa com o padre Aristóteles durou bastante tempo, até mais do que “podia”. O show teve que ser atrasado. Mas, Felipe diz que precisava desse momento e que, agora, vai “passar o São João reabastecido”.

De fato, quem pôde olhar nos olhos do cantor após ele sair da sala onde se reuniu com o sacerdote, viu um novo homem, mais revigorado e com os ânimos abastecidos, o que alimentou a multidão que esperava ansiosamente para se deliciar do tradicional forró dos Gonzagas.

“Todos nós temos uma missão. Tem gente que diz “ah se eu fosse padre eu rezaria mais…” Quando, na verdade, Deus dá as missões de acordo com o que nós suportamos e nós precisamos transformar aquilo em algo que edifique a vida das pessoas”, conclui Felipe.

O show dos Gonzagas, como se era esperado, fez todo mundo sair do chão e levou uma mensagem de paz, onde a alegria e diversão de todos foram o sinal visível de que tanto na missão de cantar como a de evangelizar, Felipe está no caminho certo.

O Arraiá da Paz é um evento promovido pela Comunidade Católica Shalom, na missão de João Pessoa, e tem como objetivo unir diversão, música e oração em uma noite de muito forró e comidas típicas.

Por Andrêza Andrade


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *