Notícias

Como namorar em tempo de quarentena e isolamento social?

Com o isolamento social, a distância passou a ser uma realidade não só para quem mora em cidades diferentes, mas para quem vive até mesmo em bairros vizinhos.

Passagens compradas para Ceará, malas quase prontas e coração ansioso para encontrar a amada. Assim estava o namorado de Vivianne Alves antes do estado de quarentena ser decretado no País. Essa seria a primeira vez que a jovem discípula da Comunidade de Aliança iria ver pessoalmente, depois do início do namoro, o rapaz que é do Rio Grande do Sul.

Com o isolamento social, a distância passou a ser uma realidade não só para quem mora em cidades diferentes, mas para quem vive até mesmo em bairros vizinhos. É o caso do João Antônio, postulante da Comunidade de Aliança, que optou por encontrar sua namorada virtualmente nos últimos dias. “Apesar de na empresa em que trabalho os funcionários estarem fazendo um rodízio, a gente não pode arriscar muito”, partilha.

De acordo com Carmadélio Souza, consagrado da Comunidade de Aliança, os namorados devem aproveitar a distância física, proporcionada pela quarentena, para crescer na vivência da amizade e da espiritualidade. E é exatamente isso que Mariana Costa, também postulante da Comunidade de Aliança, tem feito com seu querido. “A gente tá tendo o hábito de rezar o terço por videochamada e colocar os assuntos em dia, já que a gente não pode conversar pessoalmente”.

Dicas de quem namora a distância

Guilherme Pontes, missionário da Comunidade de Vida e vocalista do MSH, namora a distância há mais de dois anos. Sua namorada, também da Comunidade de Vida, está em missão na cidade de Campina Grande, na Paraíba. O jovem consagrado elencou algumas dicas para os namorados viverem bem esse período de isolamento social.

1 – Rezar junto e ouvir a Deus

Dedicar um momento para os dois rezarem juntos é fundamental, pois, como disse Carmadélio Souza, a quarentena é uma oportunidade para crescer na espiritualidade. Guilherme ainda destaca: “Isso fortalece os laços e gera graças no namoro, é muito bom também para ouvir o que Deus quer para esse tempo no relacionamento”.

2 – Estar junto do outro, mesmo distante

Sabe o João Antônio? Então, ele e a namorada têm utilizado bastante as ligações para manter contato. “Até parece o período em que estávamos caminhando para o namoro”, brinca o rapaz. Guilherme acrescenta que o estar junto é participar da rotina da outra pessoa, intercedendo por ela e partilhando o dia a dia.

3 – Brincadeiras para conhecer o outro

Sabe aquela brincadeira em que você diz uma palavra e a pessoa precisa falar o que ela pensa. Guilherme conta que utiliza essa dinâmica para conhecer mais a sua namorada, descobrindo o que ela pensa sobre diversos assuntos. É uma oportunidade de aprofundar o conhecimento do outro, de sair da superficialidade. E as palavras vão de coisas aleatórias, como cor ou prato favorito, a algo mais profundo, como sonhos e sentimentos.

4 – Partilha de vida

A partilha de vida, antes presencial, pode continuar acontecendo. Nesse sentido, Guilherme aconselha também a partilhar situações inusitadas da infância ou fatos do passados que são importantes para cada um. A pessoa é um universo a ser descoberto por meio do bom cultivo da conversa no namoro.

5 – Dia do namoro

Com a quarentena, a frequência nas conversas pelas redes sociais e pelas ligações devem ter crescido entre os namorados. Contudo, vale lembrar a importância do dia específico para o namoro. Aquele momento em que os dois estarão de forma inteira um para outro. Isso deve acontecer pelo menos um vez por semana.

E pode usar a criatividade à vontade nesse dia. Guilherme conta que certa vez sua namorada preparou uma almoço para ele e os dois viveram o momento juntos por meio de uma videochamada. É claro que ela contou com ajuda de outras pessoas na preparação da surpresa. Essa experiência simples, mas muito bela marcou o jovem missionário.

Tempo de Espera

De fato, quem ama é criativo. Vivianne, que ainda não pode encontrar o namorado, também têm utilizado formas diferentes de estar perto dele nesse período. Para ela e também para Mariana, que reza junto com seu querido, esse tempo de quarentena é também um tempo de espera que ajudará tanto elas como os namorados a crescer na maturidade do amor, na amizade, na vontade de Deus. De fato, nada escapa da divina providência.

Leia também

Confira 10 dicas para um bom namoro

Namoro Cristão: Rumo à maturidade no amor

A evangelização não pode parar, doe agora!

Doação de R$ 10,00 | Doação de R$ 20,00 | Doação de R$ 40,00 


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *