Formação

Covid-19: Nutricionista orienta sobre como fortalecer a imunidade

É tempo de ser um combatente: de corpo e de alma. Como você tem se alimentado?

comshalom

Nesse tempo de pandemia de Coronavírus, o olhar tem se voltado para o Sistema Imunológico e para formas de como fortalecê-lo. Vamos falar um pouquinho dele?

Não é surpresa para ninguém que o nosso Sistema Imunológico é aquele que faz o papel de defesa do nosso organismo diante de uma infecção, inflamação ou outra doença. Nós temos, sim, em nosso sistema células que funcionam como verdadeiros soldados de guerra e combatem diversos tipos de vírus.

Mas se todos nós já temos essas defesas, por quê algumas pessoas não manifestam os sintomas de uma mesma doença, outras apresentam sintomas leves e outras sintomas graves?

A resposta para essa pergunta é: depende! Depende tanto do tipo de vírus (sim, existe diversos tipo de Corona, por exemplo…), como do sistema imunológico do indivíduo infectado.

Um indivíduo com o sistema imune mais fortalecido tem uma melhor resposta diante das infecções. Por isso, precisamos dar atenção especial ao nosso Sistema Imunológico.

A Nutrição adequada tem um papel fundamental na melhora e no fortalecimento do Sistema Imunológico de forma geral, no entanto, o padrão imunológico saudável depende de um conjunto de hábitos que inclui, além da alimentação adequada, saúde mental, boa qualidade de sono e atividade física.

Por isso, não basta apenas uma estratégia nutricional, um suplemento ou um alimento específico que possa gerar uma mudança no padrão imunológico de forma instantânea e impedir que você seja contaminado, ou que promova uma cura. Não!

Mas então, o que podemos fazer nesse tempo de Quarentena para auxiliar no fortalecimento do Sistema Imunológico?

O momento agora é de ter hábitos e alimentação que contribuam positivamente para uma melhor resposta imunológica, buscando uma alimentação equilibrada do ponto de vista de cores, variedade dos alimentos, de qualidade e de quantidade.

Algumas orientações práticas:

Nada de dieta restritivas de emagrecimento, pois essas dietas têm deficiência de muitos nutrientes que são essenciais para o sistema inume.

– Tenha uma alimentação adequada com fontes saudáveis de carboidratos como batata doce, macaxeira, tapioca, cuscuz e outros vegetais.

–  Ingira fontes saudáveis de gordura como ômega 3, que está presente em peixes, castanhas e sementes.

– Ingerir proteínas em quantidade adequada também é essencial, pois este nutriente faz parte da estrutura das nossas células e alguns aminoácidos participam de forma direta da nossa defesa.

– Busque ingerir de 3 a 5 porções de frutas e verduras por dia, pois esses alimentos são ricos em micronutrientes como ferro, zinco, vitamina C, vitaminas do complexo B, selênio, cobre, vitamina A e vitamina D que, em conjunto, atuam na nossa defesa.

–  Restringir alimentos industrializados, com excesso de sal, açúcar simples, gorduras trans e saturadas.

Beba pelo menos 2L de água por dia, pois a água também participa da resposta imunológica.

Importante

Vale ressaltar que as estratégias populares como o uso de própolis, fitoterápicos ou suplementação, devem ser orientadas por um nutricionista de forma individualizada, pois existem contraindicações em alguns casos.

É tempo de se cuidar, de aproveitar este período para criar hábitos saudáveis e, assim, fortalecer nosso sistema imunológico.

Vamos comer bem, dormir bem, se exercitar e cuidar da saúde mental, pois é assim que a ciência nos ensina a viver estes dias. Cuide de você!

Renata Mano – Nutricionista Clínica

Missionária Consagrada na Comunidade de Aliança Shalom

Leia também

Atividade física na quarentena: um remédio para o sistema imunológico


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *