Shalom

Jovens do mundo inteiro renovam a oferta de vida por meio de cartas

Da mesma forma quem, em 1980, Moysés Azevedo ofertou a própria vida em favor dos jovens, da Igreja e de toda humanidade por meio de uma carta entregue ao Papa João Paulo II, vários jovens repetiram o gesto tendo a mesma disposição de uma vida ofertada.

comshalom

Jovens de vários países representaram toda a Juventude Shalom Internacional, escrevendo cartas para recordar o mesmo feito que o fundador da Comunidade Católica Shalom, Moysés Azevedo, fez aos pés de São João Paulo II, em 1980, ao ofertar a própria vida pelos jovens, presenteando o Papa com uma carta onde expressava este desejo.

A entrega das cartas foi feita durante o Encontro Internacional da Obra (10/07), escritas em português por jovens brasileiros de todas as regiões do Brasil, mas também em outros idiomas, como espanhol, inglês, italiano, francês, polonês, húngaro e árabe.

Yino, 24 anos, Panamá

Adriana Rivera, responsável pelo setor da difusão do Carisma Shalom, explica que, a partir de um modelo, vários jovens escreveram em seus respectivos idiomas, expondo a mesma oferta de vida. “Recebemos cartas em vários idiomas escritas por jovens representantes de onde a Comunidade está e que, como presente, desejam colocar suas vidas à disposição, em vista da evangelização dos jovens. Nós imprimimos e colocamos na Adoração do Santíssimo durante o Encontro Internacional da Obra, colocando aos pés do Santíssimo Sacramento como presente a nossa vida, como nosso fundador fez em 1980”.

Esta ação não foi meramente simbólica, mas uma expressão real, de uma juventude sedenta de amor e desejo de uma vida ofertada. A juventude, embora cheia de força e alegria, encontra diante de si muitas interrogações e dificuldades, as quais deve enfrentar no caminho de amadurecimento humano. Mas, em e com Deus, são capazes de reencontrar motivos para uma maior intimidade com o Pai, impulsionando assim, irem mais longe.  

Como já disse, o Santo Padre, Papa Francisco, os “jovens não são o futuro, mas o ‘agora’ de Deus”. Ou seja, o jovem é o reflexo de Cristo Vivo em meio a uma sociedade, que por vezes não vê mais esperança e alegria. Na Igreja Católica, esta disposição, energia, criatividade, ousadia, e vontade de participar, aprender, compartilhar, são oportunidades para uma nova evangelização .

 No Carisma Shalom, nossos Estatutos citam no Preâmbulo: “Nascida no meio dos jovens, a Comunidade tenha para com eles amor e dedicação especiais. Sem descuidar das demais dimensões do apostolado, dedique especial carinho ao acolhimento e apostolado da juventude. Os membros da Comunidade cultivem continuamente seu ardor juvenil e mantenham sempre a juventude espiritual que nos marca.” O jovem é um grande combustível da Vocação Shalom.

É com a ousadia, coragem e disposição dos jovens que, por vezes, somos motivados a um Novo de Deus, e assim renovamos o desejo de ofertar nossas vidas. Onde precisarem de nós, lá estaremos.

Modelo da Carta 

Pai de amor e de bondade, 

Inflamado(a) pelo Teu Amor que me encontrou e me encheu com a sua misericórdia, aqui estou diante de ti com o desejo de ofertar a minha vida e entregar tudo o que sou por amor a Cristo, em favor da humanidade ferida, para que a Tua graça produza em mim e no mundo o fruto da Tua paz.

Eis-me aqui nesse dia tão especial, onde meu coração transborda em louvor por essa magnífica vocação que mostrou-me o caminho da verdadeira paz, aqui deposito o meu presente, sei que nada tenho para te dar, mas ofereço a minha vida pela igreja, pelos jovens e por toda a humanidade.

Te suplico que envies o teu Espírito Santo a fim de que esta oferta se una ao Corpo e o Sangue de Cristo e, através dela, a humanidade possa sentir o perfume da oferta do Teu Filho Jesus.

Eis-me aqui!

E com os meus irmãos do mundo inteiro quero dizer SIM! Como um povo em movimento, como Obra Shalom que deseja gritar ao mundo que Cristo é a nossa paz até os confins da Terra!

Amém.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *