Shalom

Não podemos nos esquecer dos pobres

comshalom
Papa Francisco acolhe homem com deformidade.
Papa Francisco acolhe homem com deformidade.

No Fórum Carismático Shalom 2013, Fé e Misericórdia junto aos pobres  é tema abordado em painel  temático na tarde deste sábado. 

Fé e Misericórdia junto aos pobres tem sido um ensinamento constante do Papa Francisco. A temática  é  aprofundada no Fórum Carismático Shalom 2013, que iniciou  nesta quinta-feira, dia 14, e se estenderá até o domingo.

Em uma sociedade marcada pela ‘ostentação’, Papa Francisco choca o mundo com a sua humildade. Com quase oito meses do seu pontificado, já é possível perceber a ternura e a simplicidade do sucessor de Pedro.

Desde o momento de sua eleição, Francisco deu sinais do que viria a ser o seu pontificado. Na noite do dia 13 de março de 2013, Jorge Mário Bergoglio apresentou-se na sacada da Basílica de São Pedro e num gesto de humildade, inclinou sua cabeça e pediu que rezassem por ele antes que desse a benção. Ao explicar o motivo da escolha do nome Francisco, ele contou que se lembrou de São Francisco de Assis, santo conhecido pela  simplicidade e  atos de amor aos pobres, após a frase que o arcebispo emérito de São Paulo, Cardeal Claudio Hummes, o disse: “não se esqueça dos pobres”.

Ele não se esqueceu!

Durante a sua primeira audiência na Sala Paulo VI, Francisco declarou: “Ah, como eu gostaria de uma Igreja pobre e pelos pobres”.

Seus discursos e homilias estão sempre cheios de clamor para que sejamos misericordiosos, para que saibamos sair de nossas zonas de conforto e possamos visitar as pessoas que sofrem nas periferias existenciais: “Não podemos seguir Jesus pelo caminho da caridade se antes não nos amarmos uns aos outros, se não nos esforçarmos por colaborar, por nos compreendermos e perdoarmos reciprocamente, reconhecendo cada um os próprios limites e erros. Devemos praticar as obras de misericórdia, mas com misericórdia! Com o coração nelas. As obras de caridade com caridade, com ternura e sempre com humildade!”.

Além das palavras, os atos de Francisco chamam a atenção da sociedade. Durante a sua vinda ao Brasil, na Jornada Mundial da Juventude Rio2013, Francisco rejeitou as regalias, hospedou-se no Palácio Apostólico do Sumaré, andou em um carro popular, mandou retirar os vidros de proteção do papa-móvel, visitou favelas, aproximou-se do povo. Já em Roma, as ligações e cartas enviadas por Francisco – gestos comuns de seu dia-a-dia – espantam a mídia.

Em uma de suas últimas audiências abençoou e abraçou um homem acometido de enfermidade que o desfigurava. Ali estava Francisco cobrindo aquele homem com acolhimento e amor, mostrando ao mundo onde podemos encontrar Cristo.

Com apenas oito meses como Papa, Francisco conseguiu por meio de suas palavras e atos, que as pessoas voltem seu olhar para os mais necessitados.

A Comunidade Católica Shalom, através do Fórum Carismático deseja reforçar esta mensagem de Fé e Misericórdia.

Faça sua inscrição: comshalom.org|forum

Texto: Mayara Raulino

Edição: Vanderlúcio Souza


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *