Shalom

Palco Alternativo traz bandas locais ao Ressuscitou

O palco principal do Ressuscitou, onde bandas de vários estilos se apresentam, já é bem conhecido pelo seu público, mas a sétima edição vem com novidades, como um outro espaço musical:o Palco Alternativo.

O aspecto inovador é explicado por Bruno Rios, coordenador do espaço. “A fim de evitar a dispersão das pessoas para fora do evento, durante os intervalos do palco principal, pensamos em um espaço que refletisse o palco principal em termos musicais e ainda fosse um meio evangelizador. Assim surgiu o espaço alternativo, que conta com apresentações de bandas católicas locais de diferentes ritmos, tornando o Ressucitou um evento que usa todos os seus minutos em prol da evagelização” disse ele.

O evento inova não só em estrutura, mas também na oportunidade dada a bandas e músicos do cenário religioso, como a cantora Leozany Oliveira, que se apresentou na noite do último sábado, 5, e elogiou a iniciativa. ” A proposta é muito interessante, favorece a divulgação de novos músicos e bandas e diversifica as opções para o pessoal”, declarou a cantora.

O público parece também ter aprovado a novidade já que lotou o espaço, imediatamente ao início dos intervalos no palco principal. “Aqui é muito, muito massa!” resumiu o estudante João Paulo.

Com essa iniciativa, o Espaço Alternativo se firmou como espaço de inovação dentro do Ressuscitou e pretende permanecer na grade do evento. Se depender do numeroso público que passou por lá, o espaço tem tudo pra estar entre um dos principais do evento.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *