Shalom

Santa Teresinha, inspiração de radicalidade evangélica para a juventude

O CJS acontece há mais de 20 anos, reúne os jovens da Comunidade Shalom e também líderes de outros movimentos eclesiais. É marcado não só por momentos de formação, mas de oração, partilha e muitas amizades.

comshalom

Em resposta ao convite do Papa Francisco de continuarmos juntos na peregrinação espiritual que nos conduz rumo à Jornada Mundial da Juventude de Lisboa em 2023, de 12 a 14 de novembro, o Congresso de Jovens Shalom (CJS) aprofundou o tema da última mensagem de preparação para JMJ 2023: “Levanta-te eu te constituí testemunha do que viste” (cf. At 26, 13)

O CJS, evento que acontece anualmente há mais de 20 anos, reúne os jovens que participam de grupos de oração e também líderes de outros movimentos eclesiais. É marcado não só por momentos de formação, mas de oração e partilha.

A experiência comum partilhada por várias gerações é a criação de laços fraternos, a renovação na experiência com o amor de Deus, além de um verdadeiro despertar vocacional. 

Encontrei afinal, minha vocação

Essas palavras de Santa Teresinha do Menino Jesus, intercessora da juventude Shalom, traduzem a alegria do encontro com a sua própria vocação. Santa Teresinha que escolheu a vida consagrada ainda nos primeiros anos de sua juventude é exemplo e modelo para todos os jovens que desejam abraçar aquele plano de amor de Deus, único e irrepetível, como diria São João Paulo II. 

O CJS foi uma experiência incrível! Para mim, o momento mais tocante foi o da adoração. Ver Cristo Eucarístico, poder contemplá-lo e escutá-lo é algo que não dá para descrever. 

Sem sombra de dúvidas, desejar cumprir com a minha missão de batizado – que é buscar a santidade – é um desejo que parte do coração de Deus. E, é nesse momento em que eu posso experimentar este real desejo, a real busca pela felicidade que só se encontra na Eucaristia, na busca pelo céu. Se pudesse definir em uma só palavra este Congresso, eu definiria em: Felicidade.” Declara José Vitor Rondis, que participou do CJS. 

Já para Monaliza Rocha, integrante da Assessoria Jovem, setor do Governo Geral da Comunidade Shalom responsável pelos Jovens – o CJS foi marcado pelo forte apelo à santidade, reforçados pelo momento de testemunho da mãe do Beato Carlo Acutis.

“O momento mais especial do CJS para mim foi a oração junto à Cruz. Foi um momento de renovação da minha oferta de vida em favor da evangelização dos jovens.”

Como passo na peregrinação espiritual que culminará na JMJ em Lisboa, refletir juntos sobre o testemunho que nasce do encontro pessoal com Cristo foi um passo importante. Deixar-se animar pelo testemunho uns dos outros, ampliar a capacidade de ouvir a voz do Senhor foram sem sombras de dúvidas passos importantes no caminho espiritual que conduz a Jornada que convoca a partir apressadamente (Lc 1,39) em missão de ser testemunhas do Ressuscitado que passou pela cruz.  

Luana Santana


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *