Shalom

Shalom em Patos completa 20 Anos

Itamar, membro da Comunidade de Aliança, compartilha como a sua história se encontrou com a história desta missão, Já são felizes duas décadas que Patos é presente na história deste jovem.

comshalom

Inicia-se assim um novo tempo

10 de maio de 2001, aparentemente uma quinta-feira comum em Patos-PB, a simpática e acolhedora cidade do sertão da Paraíba conhecida como morada do Sol. O termômetro da rotatória da prefeitura marcava seus 39º em mais um dia de sol, mas não era um dia qualquer. O comércio com sua movimentação que lhe é característica, o clima de fé e devoção instaurado pelas novenas do mês de maio em todas as paróquias e os jovens tão belos, cheios de vida, com tantos sonhos e ideais ansiando pela felicidade plena contida naquela conhecida saudação judaica: “SHALOM=PAZ”. A providência divina, agindo através do zelo pastoral da igreja, oficialmente chega como um carisma, um rosto, cinco jovens e o desejo de amar o seu Esposo ofertando-se por este povo. Inicia-se assim um novo tempo.

Nossa Senhora, guia-nos, aponta-nos a vontade de Deus e recebe a missão da qual sou intercessor esse ano!

Dez de maio de 2001, Pacajus-CE, um jovem vive mais um dia em sua rotina, faxina, missa, café da manhã, louvor, oração pessoal, estudo bíblico, formação da manhã, almoço, trabalho na oficina de ícones, aula de liturgia, jantar, aula de teatro, lanche e completas. Ao colocar a cabeça no travesseiro, uma constatação: ele não rezou o terço diário! Então, pensa na intenção que trouxe o dia inteiro no coração, levanta e vai para a gruta embaixo da mangueira e, a cada mistério, contempla a mesma súplica:

Nossa Senhora, guia-nos, aponta-nos a vontade de Deus e recebe a missão que sou intercessor esse ano!

Pacajus-CE, agosto daquele mesmo ano, uma das formadoras chama o mesmo jovem e lhe diz: “soube que esse ano você está intercedendo pela missão de Patos, recebi uma carta de um amigo partilhando que a missão é muito bela, com muitos jovens para evangelizar, muitas vocações e pedindo que você continue rezando por eles.”

O calor da morada do Sol

Ourinhos-SP, 28 de outubro de 2002, a formadora comunitária chama o jovem e lhe comunica: “partirás novamente em missão, desta vez para o interior da Paraíba. A missão de Patos te aguarda ansiosamente. Te prepara para sair do clima frio da fronteira com o Paraná para o calor da morada do Sol!”

Um calor que é alimentado pela chama da fé bem vivida sob o manto de Nossa Senhora da Guia e pela alegria em volta das fogueiras de São João.

É inegável que o clima é quente, mas a meteorologia não se compara ao calor humano dos corações acolhedores deste povo, um calor que é alimentado pela chama da fé bem vivida sob o manto de Nossa Senhora da Guia e pela alegria em volta das fogueiras de São João.

Nessa terra quente os cactos resistem ao sol intenso e do chão brotam inselbergs ensinando a bela lição da perseverança e da resiliência.

No entardecer seremos julgados pelo amor

Patos, teus crepúsculos são um espetáculo de cores e nos lembra o que dizia São João da Cruz: “No entardecer seremos julgados pelo amor.”

Já são felizes 20 anos que a história da missão de Patos é presente na história daquele jovem e, no decorrer dessa história,  tantas outras vidas, jovens, famílias, missionários, benfeitores, amigos tiveram também suas histórias tocadas pelo carisma Shalom.

20 depois daquela quinta-feira que mudou tantas vidas. Ainda é o começo.

Vinte anos depois daquela quinta-feira que mudou tantas vidas, ainda é o começo. Com o coração inflamado de amor e gratidão, cada irmão pode certamente renovar sua oferta, apropriando-se do trecho da canção do espetáculo estações:  “Sob a luz de um rigoroso Sol ardente eu vou abrasado por as chamas das sementes de amor sem parar, sem medir ou calcular, sem nem mesmo saber onde chegar e no meu caminhar, tem diante do olhar a certeza: tu irás regar!

Feliz 20 anos! Deus é fiel!

Itamar Soares, Consagrado da Comunidade Católica Shalom.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *