Notícias

Shalom prepara fundação na segunda maior cidade de Cuba

Seis missionários serão os primeiros a iniciar os trabalhos de evangelização da Comunidade no país

Catedral de la Asunción em Santiago de Cuba

A Comunidade Católica Shalom se prepara para abrir sua primeira missão na ilha de Cuba. Seis missionários da Comunidade de Vida serão enviados para a fundação da Comunidade em Santiago de Cuba, segunda maior cidade do país, com aproximadamente meio milhão de habitantes. Esta será a segunda missão do Shalom na América Central, que atualmente também conta com uma casa na capital do Panamá

Tiago Soares, Assistente Internacional da Comunidade, explica que o diálogo com a Arquidiocese de Santiago de Cuba e com o Arcebispo, Dom Dionisio Guillermo García Ibáñez, iniciou por meio de cartas, e foi se formalizando após duas visitas realizadas ao país por membros da Comunidade. A primeira em junho de 2018, e a mais recente em janeiro de 2019, após a Jornada  Mundial da Juventude do Panamá.   

Ouvindo o apelo da Igreja da humanidade

Segundo Tiago, a Comunidade acolheu o pedido da Igreja de Santiago de Cuba, em vista de contribuir com a missão evangelizadora junto ao povo cubano. “Esta missão é como uma resposta que surge ao ouvirmos o apelo da Igreja e do homem de hoje”, relata.   

Os primeiros missionários que partem para Cuba vão residir em uma casa próxima a Catedral da Arquidiocese. O foco dos trabalhos da nova missão será a evangelização dos jovens, levando a esperança de uma vida nova, e uma experiência mais profunda com Deus, por meio do Carisma Shalom. Na cidade também está o santuário de Nossa Senhora da Caridade do Cobre, padroeira de Cuba.

A Comunidade Shalom ainda está em processo de abertura de novas casas em Lisboa, sede da próxima Jornada Mundial da Juventude, em Taiwan, na Ásia e em New York, nos Estados Unidos.

 

Leia mais:

Comunicado acerca dos discernimentos de Julho de 2020/ nº 20

EUA terá missão da Comunidade Shalom em New Iork


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *