Shalom

Tema central do Renascer Sobral aprofunda a luta pela conversão

comshalom

O processo de conversão que vivemos após nossa experiência de Deus é um caminho de combate e de luta sobrenatural, não contra os homens, mas uma luta espiritual

“Para buscar as coisas do alto, vamos precisar deixar as coisas de baixo. O desejo de Deus nos faz encontrar satisfação e plenitude em Deus e nas coisas do alto”, ressalta a missionária da Comunidade Shalom Geovannara Rocha, na pregação do tema central do Renascer Sobral na manhã desta segunda-feira, 24. O evento segue até a terça-feira, 25, no colégio Farias Brito.

A missionária explica que São Paulo na passagem de Gálatas 5, 13-24 fala muito claramente acerca desse combate e que existe um digladiar-se entre a carne e o espírito. “Envolve minha inteligência, vontade, afetos, escolhas, meu corpo, que se engaja nessa luta porque somos seres únicos; nesse combate nós nos envolvemos como um todo. E contamos com a graça, com o auxílio do Espírito Santo, a graça de Deus e a colaboração da nossa vontade”, explica. 

Pela liberdade e pela vontade, o homem tem a capacidade de escolher viver esse processo de conversão. Geovannara destaca que é preciso começar a rezar para aprender a rezar, engajar-se e se comprometer com a obra de Deus. “No nosso caminho de conversão, contamos com a graça de Deus, mas  não podemos deixar de dar a nossa colaboração.  Esse caminho de combate e conversão passa pelos nosso sim e não”, completa.

As obras da carne, de que já fala São Paulo, refletem a centralização em si mesmo, que torna a nossa própria vontade o grande absoluto da nossa vida. “Nos tempos de hoje uma das maiores lutas é sair do centro da nossa vida. Passamos do homem velho para o homem novo nas pequenas escolhas de cada dia”, explica.

Em sua pregação, Geovannara lembrou que São João da Cruz aponta três inimigos contra os quais combatemos: a carne, o mundo e o demônio. “Nunca vivemos uma luta tão grande contra o mal como agora. Deus quer nossa salvação, mas o demônio quer nossa perdição. Estamos aqui em reparação pelo mundo que está em chamas. Nós não podemos viver de uma forma natural e lendo as batalhas da nossa vida de forma natural”, destaca.

Os jovens, que são a primazia do nosso carisma, têm cada vez mais perdido o sentido de vida e somos chamados a comunicar a alegria que não passa. “O homem carnal é o homem desanimado, sem esperança. A experiência de Deus dá cor e brilho às nossas vidas, com a esperança, o sentido e a alegria verdadeira”, reflete.

Homem velho e homem novo

O homem velho é aquele que busca o prazer e vive a partir dos seus sentidos e instintos, sem a razão, sem a reflexão. “É um homem voltado para si, a partir do seu prazer, instinto, sentidos e cai na desesperança e falta de sentido”, analisa. Já o homem novo é aquele que busca a Deus e a radicalidade da santidade, alimentado, impulsionado e elevado pela graça, que cai e se levanta todo dia com confiança na misericórdia de Deus. “Vive para Deus e os outros, alegre, livre para fazer o bem, anuncia a verdade de Deus, sensível ao apelo dos outros e vive a experiência da oração” , resume.

Armas de combate

Para passar do homem velho para o homem novo, o Senhor nos dá armas no caminho de luta e combate: A primeira arma é a oração confiante e perseverante. “Não existe novo sem uma profunda vida de oração; não existe homem novo sem ser homem de joelhos, de oração. No caminho de oração o mais importante é a perseverança. Quem reza, governa o mundo com Deus e combate a desesperança”, destaca.

A segunda arma é a vigilância. “Não podemos nos expor ao pecado. Precisamos evitar as ocasiões de pecado”, explica. A terceira arma é a penitência. “Só o amor de Deus é capaz de nos libertar e vencer o velho em nós”, afirma

Renascer é para todos os públicos

No Renascer, há espaços temáticos para atrair os públicos de todas as idades. Primazia do carisma Shalom, os jovens têm um espaço especial no Renascer com o estande do Projeto Juventude para Jesus (PJJ).

“O estande do PJJ aprofunda a nossa juventude, primazia do nosso carisma”, ressalta a coordenadora do PJJ Sobral, Wilma Ribeiro. A missionária lembra que o estande deste ano também traz a divulgação do Congresso de Jovens Shalom, que acontecerá em maio. A comunidade está com dois pacotes com saídas no dia 20 de maio. O de R$ 450 inclui passagem ida e volta em ônibus leito, translado e hospedagem. O pacote de R$ 400 é em poltrona convencional.

As crianças também têm um espaço todo especial para viverem uma experiência com o amor de Deus, o Renascer Kids. “O Kids segue a programação do palco central com uma proposta lúdica”, ressalta o coordenador do Kids, Carlos Moreira. As dinâmicas utilizam meios lúdicos como teatro, música, desenhos e pinturas. Após cada pregação, há uma atividade de aprofundamento para avaliar o entendimento das crianças. “O Renascer Kids é um retiro para as crianças. Os pais são chamados a trazer seu filho para viver o retiro com eles”, completa.

Já as famílias também contam com um estande para aprofundar a beleza do ser família cristã. Marylane Lira, coordenadora do estande junto ao esposo Fábio Braga, destaca que o Shalom Sobral conta com quatro grupos de casais dos quais o de terça-feira à noite é de iniciantes. “Nos grupos vivemos a acolhida, a formação e a orientação das famílias e também vivemos em unidade com o projeto criança”, completa.

 

Por Teresa Fernandes


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *